domingo, 27 de junho de 2021

VIVER DURANTE UMA PANDEMIA SEMPRE É UM DESAFIO.

Bom dia meus amigos e visitantes.

Relatando como esta sendo a pandemia, é já tem muito tempo, no começo  estava em luto da morte da minha irmã, assim sendo a pandemia começou quando eu estava fragilizada.  O meu único pensamento era proteger minha filha e minha irmã que nem sabe dizer o que sente, eu as isolei, eu continuei cumprindo as minhas obrigações, mas sendo uma outra pessoa exigência, calada e fazendo distanciamento de todos. Todas as vezes que foi possível eu passava tempo em casa fechada sem vermos ninguém. Quando meu irmão ficou desempregado no interior eu nem sei como permitir que viesse morar conosco, não deu muito certo, mesmo sendo controladora, teve um dia que ele saiu com meu outro irmão chegou bêbado,  sem mascara e nos contaminou.  Venci a covid e minha filha também venceu, mas tivemos pneumonia viral. O meu irmão que provavelmente nós contaminou teve como uma gripe forte.  Depois disso o medo de ter sido contaminada e ao chegar em casa passar para minha filha era algo desesperador. Meu irmão depois disso teve duas escolhas ou não saia mais ou iria embora.  As funcionarias tinha sido liberadas, mas não conseguir ficar sem e elas reversavam, depois uma engravidou e pediu para se afastar e a outra como tinha mais liberdade e anos com a gente não queria usar mascara e nem preciso dizer que disse ou coloca a mascara ou vai embora. Eu não era mais eu, eu só pensava eu não nos contaminar de novo. A pandemia me tornou uma pessoa ríspida, uma pessoa que se afastou de todos, que percebia nas pessoa se estavam de mascara, não se estavam precisando conversar, pelo contrario evitava conversar pois ao falar tinha mais chance de contagio, passei a controlar a vida da minha família dentro de casa, para entrar na minha casa é um processo, tira a roupa na varanda etc. Não sei como conseguir sobreviver com tanto estresse.  Meu sobrinho também precisou de acolhimento, como ele esta trabalhando, pronto as coisas se tornaram ainda mais rígida.. Ele, meu irmão e eu usávamos ate mascara em casa ,minha filha ao sair do quarto também usava mascara. Neste mesmo período eu me mudei para uma casa maior, com quintal, ar livre e nem preciso dizer  que não tivesse vizinho com amizade, que eu precisa-se ter contato, é gente eu cheguei a este ponto. Ate em casa ficava um clima de tensão que todas as vezes que eu chegava berrava para afastar lila, para eu poder entrar em casa. Cada vez que meu sobrinho chegava do trabalho tinha que tomar banho, trocar a mascara etc.  Meu irmão  eu decidir alugar um quitinete para ele, meu sobrinho eu dei  uns dias e mandei que ele retornar se quisesse-se, mas para ficar do trabalho para casa. Ele entrou de férias, agora esta retornando. Meu irmão  agora é como visita. Agora todos nós já tomamos vacina, mesmo assim continuo com todos os cuidados básicos. Mas ontem eu percebi como estou cansada disso tudo, eu e minha filha saímos, vamos a praia, no shopping, em mercado, em consultas, mas eu percebi que preciso ser menos  rígida.  Sei que o vírus é algo complicado, sei que a dia chega uma nova mutação, mas não adianta lutar contra  a contaminação e morremos da mesma forma. Ter medo é admissível, mas tudo na vida tem que ter equilíbrio. Minha filha precisa viver,  voltar a sair sozinha, é dificil admitir que durante a pandemia  ao querer proteger minha filha fiz tudo exagerado. Ela é maior de idade, nunca fui uma mãe controladora, nunca decidir nada por ela, ela sempre teve autonomia de fazer o que quisesse da vida dela. Mas na pandemia eu mantive regras para todos, e hoje vejo que talvez tenha sido um erro. Procuro entender que pessoa eu me tornei, se via uma pessoa sem mascara na rua eu sentia raiva, vinha logo na mente os olhares das pessoas que vi que perderam parentes pelo covid, acho que foi essa época no começo da pandemia que me fez me tornar uma pessoa exagerada.. Ate virtualmente me afastei de  todos vocês. Porque meu tempo era manter minha família sem nada faltar e protegendo para não se contaminarem. Sei que a pandemia não acabou, mas muitas coisas acabou para mim, quero voltar a ter contato com as pessoas, logicamente com mascara, com distanciamento, com álcool gel, mas quero que minha filha tenha contato com as pessoas, saia sem ser comigo, ela mesma tem que tomar cuidado sozinha.  Minha filha e as crianças não me dão nenhum trabalho, minha filha se cuida e as crianças já sabem como eu sou exagerada rsrs. Eles quando estão aqui ficam sem mascara no quarto e quando sai do quarto usam mascara descartável e em nenhum momento reclamam. Não estou dizendo que vou largar de mão os cuidados necessários, apenas relaxar um pouco e deixar um pouco de encher os outros, se querem ficar sem mascara na rua, frequentarem bares, se expor, que façam, não tendo contato com a gente a partir de hoje não direi nenhum palavra . Já tenho problema demais para me preocupar, fora o covid, meu quadro se agravou um pouco, depois do covid ate as minhas carótidas segundo o angiologista esta subcluidas, confesso que fui pega de surpresa, vou por contra propria confirmar com outro exame este resultado ,se for realmente verdade, a minha situaçao fica ainda mais muito delicada, pois se for real o risco de avc é maior. Mas em relação as dores, estou melhor, meu ombro e braço aliviou as dores, o que é um alivio. Como vocês sabem a minha fe em Deus é inabalável. Temos que viver em equilíbrio sempre,  exagerar nos cuidados pode nós levar a um medo não saudavel.  Eu pretendo viver com a mesma alegria que vivi a minha vida toda. Minha sobrinha engravidou, vai ser uma menina, nem preciso dizer que ja a amo mesmo antes de nascer. No começo não sabia que a amava tanto, ate a gravidez se tornar de risco, e eu percebi que quero muito que ela também sobreviva, minha sobrinha eu nem preciso dizer ela precisa sobreviver meus amorezinhos precisam da mãe dele, eu sou uma tia presente, mas  mãe é mãe.  Estou me envolvendo, mas sabendo esperar quando minha sobrinha busca opinião. É algo muito serio, muitas decisões so ela como mãe para tomar.  Eu creio do poder de Deus e oro para que ambas sejam vencedoras, e que meus amorezinhos e a gente ´possamos nos sentirmos muito felizes.    A todos vocês proteção divina e muitas alegrias. E vocês como estão lidando com a pandemia, estão vacinados.  Saudade de todos vocês. 

quarta-feira, 19 de maio de 2021

Consulta cardiológica, com ortopedista, em crise de feocromocitoma , com dor intensa.


Só fazendo essa postagem para deixar registrado.  Meu braço (ombro) doi horrivelmente,, irradiando no braço todo.  Perna também direita doendo e pé ficou a uns dias sem tocar no chão, com intenso inchaço, vermelho, dor, fui a praia e de repente meu pé ficou vermelho, inchado e ate roxo. No momento pensei logicamente que era trombose ,minha filha olhou e achou que poderia ser espinho e o tirou. Com alguns dias ficou bem feio, mas tive melhora. Mas com alguns dias meu ombro amanheceu inchado e com dor intensa. Neste momento apareceu uma luz vermelha, que precisava investigar o que esta acontecendo. Gente eu sou a favor da vacina, todos nós temos que ser vacinados, só assim a pandemia acabará.  Mas isso não significa que não devemos  ter acompanhamento quanto aos sinais de sequelas da vacina. Mesmo após ficar mais de uma semana com febre alta, baixa saturação, descontrole total da pressão arterial, minha filha resolveu tomar a vacina, apresentando também febre alta e ainda esta com mialgia. Minha sobrinha gravida também foi vacinada e esta tendo acompanhamento rigoroso.  Tomar vacina sim, e quem tiver sintomas sugestivo de complicação tem que buscar ajuda medica. Isso é ter responsabilidade com a propria vida.   Isso não significa que estou preocupada, mas sim não estou bem, tenho um quadro clinico complicado e por isso tenho que ser responsável.

Consulta com cardiologista. 

Como sempre muito educado, atencioso  Indicou ortopedista e angiologista

Conseguir consulta  ortopedista hoje mesmo. 

Muito atencioso e mostrou muito interesse em aliviar meu sofrimento, passou exame para ver se era trombrose no braço ou inflamação etc.  Passou restiva , mas como é derivado de morfina não posso usar por ser alérgica. Relatei minha alergia. Passsou o bi profenid, passou também outros exames.

Ambos mandaram para o hospital. 

Não vou para hospital geral,  vou investigar ambulatoriamente, e se manter a crise do feo e essas dores for da crise vou buscar o hospital que sou acompanhada que me tira das crises do feocromocitoma.  

A vida é feita de escolhas, eu escolhi tomar a vacina, todos aqui em casa tomamos a vacina. 

Me sentindo inútil, com tanta dor quê não posso nem aplicar meu clexane.  Não posso movimentar  braço e nem andar direito. Vai passar se assim Deus permitir.  

A todos felizes dias.  

Meu Deus amado eu confio em ti.  Nossa vidas estão sobre sua proteção. 




sábado, 8 de maio de 2021

Feliz dia das mães - Por Santy

 


Eu sei que esse é mais um ano complicado para comemorar uma cada como essa, principalmente o mundo como tá, como podemos ver quanta tristeza e desesperança. Mas eu, como filha da uma das pessoas mais guerreiras deste mundo, que em meio a tudo isso, ainda consegue não apenas se manter de pé, mas me manter de pé, precisava vim aqui, comemorar o dia dela e o dia de todas as mulheres que no meio deste caos que estamos vivendo, acima de tudo, ainda precisam ser mães, vocês mulheres, são guerreiras. PARABENS PARA O DIA DE VOCÊS, FELIZ DIA DAS MÃES.

E agora, para a guerreira da minha vida, MINHA MÃE:


Não existe ninguém que me ame mais do que minha mãe. Ela que vai sempre estar do meu lado, sempre me protegendo, encorajando, aconselhando, acolhendo, , dando carinho, ensinando, brincando, sorrindo, chorando. Não importa se ela tem compromisso, se eu estou com algum problema ela larga tudo que esta fazendo e vem o mais rápido possível tentar me ajudar. Ela me conhece melhor de que ninguém, ela sente quando algo de errado aconteceu comigo. Ela daria sua vida por mim. E eu também daria a minha por ela. A mulher que me ensinou tudo! A andar, falar, brincar, amar! Passou noites em claro por causa por mim (alias, ainda passa) Aguentou meus medos(aliás, ainda aguenta) Ela faz tudo por mim, e eu espero que algum dia eu seja capaz de retribuir todo seu esforço. Obrigado por existir, obrigado por sempre estar presente, obrigado por sempre me ajudar, obrigado por ser a melhor mãe do mundo! Não existe ninguém que te ame mais do que eu! Você é a luz que guia os meus passos, você é a minha inspiração, você é o meu sol, a minha estrela, a minha melhor companhia para filhos, você é você e por ser você, você é a melhor. Eu te amo demais mamãe, que Deus continue lhe acompanhando, guiando o seus passos, que seja a menina dos olhos dele, que continue enchendo a sua vida de benções e que cada vez mais você descubra a felicidade, nós te amamos, eu te amo, FELIZ DIA DAS MÃES, MINHA MAMÃE.



Nosso dia hoje.