domingo, 30 de outubro de 2016

QUANDO A SAUDADE É FORTE, CHEGAMOS A SENTIR A PRESENÇA DE QUEM AMAMOS.

           Resultado de imagem para UMA MULHER DISTANTE DE SE MESMA
Ontem  a noite  apareceu uma barata, a minha filha gritou, chorou, se desesperou, eu perdir a paciência mando ela se acalmar. Quem matava para ela aqui não mais está. Deste pequena ela tem pavor de barata, sempre começa a gritar.  Mas ontem ela tremia sem pará. Ela vai pra outro quarto. Levanto e faço uma faxina alta horas da noite a procurar a tão barata e assim a matar. Já cansada vou me deitar, mas fiquei parecendo que iria pirar, cheguei a escutar  a voz dele, desesperada grito a minha filha para comigo ficar, ela vem e me abraça, choramos as duas sem nenhuma conter as emoções contidas por tanto tempo, como ela tem pavor também de espíritos pede apenas que a abrace, logo ela dorme nos meus braços, e depois que pego no sono o sinto ao meu lado, mas dessa vez eu não sentir medo, apenas sinto que por sentir saudade ele veio nos visitar, que Deus ampare a ele, e a todos que ao outro lado está. Ate com a minha irmã sonhei e ela só ficava a me olhar. Loucuras para muitos, mas para mim é sentir a presença de quem não mais aqui não mais está, mas nos nossos corações sempre estarão, e a lembrança e o amor é eterno, eu um dia sei que vou aos seus braços abraçar e aos meus Pais e toda família me encontra.


                      Resultado de imagem para como eu amanhecir hoje
Hoje eu acordei sem dor de cabeça, nem pude acreditar, mexir de um lado a outro e pude crer, que realmente estava sem dor. Acho que a crise do feocromocitoma enfim cedeu, ou quem sabe teve uma mãozinha dos meus amores do outro lado da vida, com a permissão de Deus. A minha filha me perguntou se teria coragem de contar o que acontecer. Logico que sim, porque eu não devo nada a ninguém. Pensante que eu enlouqueci? Eu também pensei kkk. Mas o que importa é que estou lucida, o que aconteceu não sei se foi fonte da minha imaginação, ou a força da saudade,ou de fato sentir o privilegio de sentir e escuta-lo, seja o que for termino com uma frase a vida é um mistério que só um dia saberemos o que de fato está no outro lado. Agora vou levantar e fazer desse dia um lindo dia que Deus me presenteou sem dor. Um lindo domingo a todos. 


sábado, 29 de outubro de 2016

A CRISE DO FEOCROMOCITOMA CONTINUA INDEPENDENTE DE TUDO O QUE EU ESTEJA FAZENDO.

              Resultado de imagem para GIF DOR DE CABEÇA FORTE

Desculpa a sinceridade, mas só quem sabe o que é dor, pode avaliar a intensidade. Experiências minhas conta dessa hora? Claro que não, se conta-se eu já estaria sem dor. De que valem nesta hora um monte de palavras vazias? Sugere algo que possa aliviar, isso sim me daria alegria, criaria a esperança nem que fosse por um dia. Quando a alma esta sofrida com uma dor que não da trégua, o melhor é ficar sozinha para não fazer sofrer quem ama sem nenhuma melhoria. Cansada de sentir dor, logico que estou, contando os dias para tudo isso acabar e a alegria voltar para mim e para o meu lar. Quando palavra alguma adianta. Como arraçar esse dor, sem arraçar a minha cabeça. E o que fazer? Quando os remédios não faz mais efeito ?  Quando nem morrer pode?  Pois a minha vida é ligada a outras vidas, assim sendo a solução é estar perdida e em Deus me segurar para não perder a vida.



Boa noite meus amigos, estou cansada dessa dor. A minha dor de cabeça está persistente, vem cada vez mais intensa, surgindo do nada e fico meu atordoada, sem saber onde coloquei as coisas. Estou procurando tentar de tudo. Hoje fui ate na praia levar a minha irmã para da um mergulho, coitada passei apenas alguns minutos, tive que voltar para casa porque a minha cabeça explodia. Depois que cheguei, na cama e no meu quarto me enfiei. A minha filha vem de mansinho, me beija, abraça, pergunta se quero alguma coisa, me da meus remédios e me deixa quieta. Esta foda. O que não compreendo é que a ressonância do cranio que meu medico passou só pode fazer com a pressão normal, ou internada, isso é demais. Fazer o que mais uma vez me conformar em sofrer. Um feliz domingo a todos, mas uma vez aceito com gratidão oração. 

sexta-feira, 28 de outubro de 2016

BATEU A SOLIDÃO



Hoje bateu a solidão, logico que a minha filha não tem culpa não. Ela é um anjo que precisa se distrair. Eu insistir que estava bem e queria que ela saísse com os amigos. Casa silenciosa, procurei ler livros, mas nada me animava. Levantei e fui trabalhar, logico depois tive que aguentar um pico hipertensivo e uma dor de cabeça a acompanhar, mas não me arrependo, a minha alma não aguentava mais na cama ficar, me sentindo só e a saudade veio acompanhar, foi demais de suportar e la fui eu a uma faxina realizar. Depois o cansaço venceu e terminei a apagar, agora vou passar a noite por aqui a navegar e a procurar a minha alma alegrar. Não vejo a hora dessa crise me deixar e eu voltar a viver e a natureza enxergar. Sei que tenho que ser grata pelo menos a dor física está aliviada e posso ter a minha esperança renovada. Meus amigos queridos um feliz final de semana a todos.

quinta-feira, 27 de outubro de 2016

MAIS UM DIA LUTANDO CONTRA OS EFEITOS NOCIVOS DO FEOCROMOCITOMA.

                Resultado de imagem para mulher no deserto
Antes de começar a relatar como eu estou quero deixar um Alerta - Crise de feocromocitoma deve ser tratado em ambiente hospitalar. Foi opção minha lidar com as minhas crises em casa. Cuidado. Não quero que esse blog seja exemplo para nenhum paciente que ache que é sem risco enfrentar uma crise de feocromocitoma em casa, e acabem tendo graves consequências e ate levar ao óbito alguém. Cada caso é um caso e logico deve seguir a orientação do seu medico. Eu realmente coloquei na balança os prejuízos que causam a mim e a quem amo meus internamentos e resolvi optar por lidar com isso no meu lar e tento da melhor forma possível sai das crises sem internação Mas logico nem sempre consigo. Pois quando a dor se torna insuportável não está mas nas minhas mãos.  Esses meus últimos dias não foi fácil, mas estou aqui, então já é um progresso. Tive um  pequena melhora ontem e feliz foi logo dizendo que tinha vencido mais uma crise do feocromocitoma, não podia está mais enganada. Por ter tido hipotensão achei que o sofrimento tinha acabado, é ai que mora o perigo. Quando se está em crise do feocromocitoma e ocorre hipotensão os cuidados tem que se redobrado. Hoje não conseguir levantar pela manhã, a dor de cabeça não permitiu. Tive mais ou menos uma hora no inferno, depois melhorava um pouco e de novo mais uma hora no inferno e assim fui passando o dia. Quando a minha filha chegou da faculdade foi que entrei em um inferno maior ao vela mais uma vez  bem triste, e para a minha alegria agora reagiu. E quase me matou de susto ao revelar os seus planos. Fiquei pasma, mas posso está fazendo a coisa mais errada da vida ao permitir, ou a palavra certa me omitir,  mas por outro lado vela em cima de uma cama muito triste e com pensamentos destrutivos, não é nada fácil. Não sei qual é o pior. Então só me resta entregar ela a Deus e seja o que for melhor para a felicidade dela. Mas vou confessar é bem dificil criar uma filha sozinha, tem horas que sinto falta de uma pessoa para me ajudar nesses momentos. Mas enfim tem Deus e é nele que coloco todas as minhas duvidas e ansiedades. 

Boa noite meus amigos, a minha ausência foi devido aos  momentos da crise do feocromocitoma. Horas estou bem e em outras péssima. Mas com fé em Deus, que logo tudo isso acaba e possa compartilhar com vocês mais belos momentos felizes. Hoje acho que não tenho condiçõe  de visitar vocês, estou muito enjoada e com a dor de cabeça voltando a incomodar, mas amanhã responderei aos comentários abaixo, se Deus quiser aqui estarei visitando vocês. Obrigada a cada um por mais uma vez o apoio dado. Obrigada Emanuel pelas musicas, passei vários momentos escutando e pelo apoio constante. Obrigada  Toninho pelo carinho e amizade. Obrigada  Chica pelas palavras amáveis, Obrigada Lourivaldo pelo otimismo e tentar me colocar pra cima. Obrigada Carmem pela delicadeza, Obrigada Graça pelo carinho e força. Obrigada  Helena por me da colo virtual. Obrigada  Anete por torcer por mim. Obrigada  Élys  por me lembrar o poder de Deus. Obrigada Pedro pela aperto de mão cheio de bons energias. Obrigada Felisberto  pelas palavras de incentivos. Obrigada  Bell pela oração. Obrigada  Maria por torcer por mim. Obrigada  Beto pelo contar a sua experiencia. Obrigada Gracita pela sua amizade, muito bom conversar com você.  Obrigada  Nal pelo apoio e seja bem vinda de volta a blogosfera. Obrigada Maria Regina pelo Carinho. Obrigada Evanir do abraço com carinho. Obrigada Tais pela amizade, Obrigada Tete pelo apoio e oração. Obrigada Jeanne pelo apoio. Obrigada pelo carinho a fabiana, fé, Simone, Ana freire, Maria Teresa, Francisco, Céu, Minda, Ailime, e todos os meus amigos virtuais pela amizade, carinho e  apoio. No momento que precisamos de uma palavra amiga, é muito bom contar com vocês. Enorme abraço. 
              Resultado de imagem para um feliz final de semana com deus

segunda-feira, 24 de outubro de 2016

CRISE DO FEOCROMOCITOMA ? EFEITO DAS QUEDAS ? PAVOR DE IMAGINAR INTERNAÇÃO.

                  Resultado de imagem para UMA MULHER DISTANTE DE SE MESMA
Boa noite meus amigos, não vim me queixar, apenas como sempre desabafar. Dor não se acostuma, se tolera. Não é a primeira vez que passo por isso, desde o inicio da doença já sentia dores de cabeça, nem por isso é mais fácil conviver. Algumas vezes a intensidade é maior. Muitas vezes ate esqueço que sou portadora de Feocromocitoma ate os sintomas retornarem [que são as crises] Até sentir dor intensa é fácil se adaptar e seguir a vida. Mas quando a dor vem desse jeito sempre há questionamento. Por que tudo isso Meu Deus? Por que tenho que sentir tantas dores? Será que já não sofri o suficiente? Quando passo as noites em claro, sentindo dor, me sinto ainda mais frágil. Como é ruim sentir dor. Estou com dor de cabeça por vários e vários dias.Raramente estou conseguindo dormir. Vejo o dia amanhecer quase sempre. Estou me alimentando o minimo do minimo, sentindo muito enjoou. Tomei tantas quedas, bati essa més a minha cabeça mas do que a minha vida toda. A minha filha quando começamos a conversar já ficou arrasada e só sabe dizer a falta que o portocath vai fazer, e como sera sem ele. Eu fico calada, porque realmente eu não sei como sera. Estou vivendo pela Graça Divina. tudo que passei recentemente foi muito difícil. O tempo vai passando e tudo vai se tornando mais pesado de carregar, mas enfim, sei que Deus me carrega no colo quando não consigo mais andar. Mas uma coisa o meu pavor de ser internada está sendo algo angustiante, so de imaginar aumenta o meu estresse.

Piora o meu pavor de internamento; 

Todas as vezes que vou para o hospital a minha filha entra em desespero. E a forma que ela conduz o seu estresse é preocupante e isso dilacera o meu coraçao. Graças a Deus nos últimos tempo ela reagiu melhor. Esse més fez um ano que aguentei as minhas crises em casa. Só tive mesmo um internamento para a retirada do portcath, por ironia do destino justamente agora sem o portocath tive essa piora. Ficar no hospital  é como a minha vida estaciona-se, fico sem meu lar, meus amigos, me sinto sozinha a merce dos outros. E o pior de tudo não fico sem dor. Isso mesmo, se ao me internar para controlar a crise, ficasse sem sentir dor, seria uma coisa boa, mas fico com dor, um pouco menor do que suporto em casa, mas ainda com dor. Agora ainda tem o fura fura na minha veias, só em pensar me da um desanimo. Em uma uti nem quero pensar, os dias que passei apos a cirurgia da retirada do portcath pensei vou enlouquecer. O tom de voz é o mesmo que ouvimos nas feiras livres, a correria é constante, estava totalmente indefesa nas mãos deles e onde me encontrava podia ver alguns pacientes, uma visão terrível se assim posso dizer. Depois ainda teve um óbito, e eu me sentir tão fragilizada e triste que só fiz orar meu Deus me tira daqui. A minha sorte era algumas pessoas conhecidas, graças a Deus por isso, foi o que me fez relaxar um pouco. Mas os médicos que pegaram o plantão eram desconhecidos e quando eu comecei  a passar mal, me sentir no deserto sozinha, ficava pensando qual foi a ultima coisa que disse a minha filha e se deixei algo inacabado etc. Enfim bateu o desespero. Quando veio a noite, pensei, puxa, hoje vou dormir. Que nada, tive horríveis pesadelos e desistir de fechar os olhos e já imaginava aquele povo todo da u.t.i  Estou contando a minha ultima experiencia, que apesar de muito dificil, foi um paraíso em comparação as outras entradas em outras uti de outros hospitais que quase me levaram a loucura. Eu sei que tenho uma doença cronica que um dia a doença vai me obrigar a passar por muitos calvários, mas se não fosse a minha filha e as crianças acho que não lutaria mais. Mas enfim há minha filha, os pequenos, a minha irma que depende de mim, e ate lila que me prendem aqui na vida, então é bola pra frente e no minimo sofrer de cabeça erguida.  E que Deus me ajude na minha caminhada.

Para quem possa interessar deixo aqui alguns link sobre feocromocitoma, é só clicar em cima dos link, caso queria entrar em contato comigo o  meu e-mail é mirtes_bastos_stolze@hotmail.com. 


LINK =  http://historiadofeocromocitoma.blogspot.com.br/2015/10/minha-relacao-medico-paciente-durante.html
LINK= http://historiadofeocromocitoma.blogspot.com.br/2015/09/o-que-e-feocromocitoma-ativo.html
LINK= http://historiadofeocromocitoma.blogspot.com.br/2015/08/controlar-as-emocoes-para-pacientes-com.html
LINK=http://historiadofeocromocitoma.blogspot.com.br/2015/08/feocromocitoma-uma-patologia.html
LINK= http://historiadofeocromocitoma.blogspot.com.br/2015/07/crise-de-feocromocitoma-e-como-uma.html
LINK- http://historiadofeocromocitoma.blogspot.com.br/2015/07/feocromocitoma-relato-sao-paulo-medical.html
LINK http://historiadofeocromocitoma.blogspot.com.br/2015/03/como-e-ter-meu-blog-falando-sobre-minha.html


 Para todos meus amigos e visitantes uma abençoada noite e semana.



domingo, 23 de outubro de 2016

MEU FINAL DE SEMANA - UMA FELIZ SEMANA A TODOS.

                           sede da presença de Deus                                                                     
Meu final de semana foi em casa. Meu pequeno teve uma recaída, febre alta e deixou de se alimentar. Os médicos sem saber de onde vem infecção e se é de fato é estado infecioso. Pedir a minha sobrinha para ficar com eles, eu fico em cima, faço brincadeiras e vai e vem eu consigo alimenta-los. E assim foi feito ela me deixou com eles ontem. Quando percebi que nem assim ele comia retornei a mamadeira. A minha sobrinha ficou incrédula kkk. Mas quando observou que ele sendo alimentado dia e noite começou a reagir ela passou também a alimenta-lo durante a noite de ontem. Hoje eles voltaram a ficar comigo, estavam um foguetinho rsrs. Nem parece que um dos pequenos está doentinho, comigo hoje ele não teve febre, ontem ele teve que nem com medicação cedia. Mas o que importa é que hoje eles estavam bem e amanhã vão está ainda melhor. Uma amiga e vizinha ontem me perguntou meu Deus Mirtes como você está ? Eu respondi com Deus amiga rsrs. É exatamente assim que nós sentimos quando acreditamos em Deus e eu tenho certeza que tudo vai da certo com o pequeno. Ontem a minha sobrinha me disse pelo whatsApp Mirtes; e o meu coraçao parecia que iria explodir e eu respondi pode falar e ela me falou que ele não iria morrer e que no dia seguinte ela me deixaria com eles. Eu não perguntei porque ela tinha essa certeza ou nada desse tipo, apenas dei boa noite e falei que estava aguardando eles hoje. Hoje eu passei o dia com eles, e ela foi enfriar a cabeça. Ela chegou melhor e eu feliz por ela. Ela precisa está bem para poder da o melhor para eles. Eles foram com ela felizes e eu tenho certeza que terão uma noite abençoada. A minha filha está bem, passou o dia ocupada. Agora vou descansar, ficar com eles é maravilhoso, mas pelo feocromocitoma ativo estou um pouco cansada por está também sem empregada, fiz tudo durante o dia. Ontem ocorreu a minha sétima queda rsrs. Na hora por ser na frente deles, levantei mais rápido que pude e fui tomar banho, hoje as minhas costas reclamou e a minha filha vez massagem e me disse que esta inchado. De mal ao menor rsrs. Com sétima queda nada quebrado rsrs.  Só a minha filha que parece um gravador, sétima queda, sétima queda kkkk. Agora a minha filha vive dizendo cuidado, cuidado rsrs.  Enfim o final de semana começou bem tenso, mas ao final dele eu estou em paz, confiante em Deus e entregue a ele e isso é bom demais.  O feocromocitoma ainda ativo, mas estou com medicação para dor [Tramal] de horário o ruim é que comer nem pensar, essa medicação vira o estomago, so de olhar para os alimentos a minha alma reclama,  e também estou usando todos os anti-hipertensivos no máximo.  O problema é como realizar um exame onde querer que a minha pressão esteja controlada e por mais que eu faço é ruim conseguir ficar com a pressão como eles querer para realizar o exame, marquei para amanhã a tarde, mas a minha filha hoje falou mãe acho melhor você nem perder o seu tempo rsrs. Acho que ela tem razão foi desmarcar ate a pressão voltar a controlar.  
                                     A todos vocês uma abençoada semana. 

                      Resultado de imagem para a todos voces uma abencoada semana

quinta-feira, 20 de outubro de 2016

EXAME DE RMN DO CRANIO- O MEDICO CONTRA INDICOU A REALIZAÇÃO HOJE.

         
Boa noite meus amigos e visitantes. Acordei cedo, fui pegar autorização do exame no hospital do exercito. Cheguei  do Hospital Português as 10 horas para a realização do exame que estava marcado para as 12 horas. Cheguei com antecedência porque os meninos iriam ficar com a minha filha a tarde. Como já comentado por aqui a minha pressão está alta e com dias sem passar a dor de cabeça. A enfermeira um doce de pessoa, mas resolveu pegar a minha pressão, comentou que a minha pressão estava alta, eu expliquei que a minha pressão era assim mesma e que não estava sentindo nada [ Mas estava com dor de cabeça e um pouco enjoada]  Mas ela falou que iria fazer o exame monitorizada. Pronto estava diante de outro grande problema, teria que me deitar com a cabeça baixa, logo sentir que isso não iria da certo. Quando me deitei comecei a sentir um forte enjoou, ela começou a dizer que eu estava parecendo muito enjoada, falei que estava tudo bem. Mas ela puxou a pressão e estava 223 X 151. Depois de tudo pronto, para realizar o exame para afastar um AVC, ou ver alguma alteração. Ela resolve comunicar ao medico e outra enfermeira, e com poucos minutos eles me disseram que não iriam realizar o exame. Seria um exame sem contrate, só teria que ficar um pouco deitada, enfim essa foi a decisão deles. Eles quiseram que eu fosse para a emergência para baixar a pressão. Eu me recusei, estava justamente sozinha para deixar a minha filha em casa, para receber os pequenos e se fosse para baixar a pressão iria para a Fundação, outro hospital só em casa de vida ou morte. E a historia é essa, eles passaram o relatório acima, explicando que não puderam realizar o exame e mandaram eu entrar em contato com meu medico.O atendimento de forma geral foi bom. O que eu vou fazer ? não faço a menor ideia. Talvez tentar novamente na segunda- feira. Pelo visto infelismente pode ser crise.
Resultado de imagem para noticia boa

Os meus pequenos chegaram felizes, a febre de Gui cedeu, e ele hoje estava muito feliz, nem preciso dizer que fiquei muito alegre, feliz, aliviada. É bom demais velos bem. Eu estava muito ruim, tive pico hipertensivo grave hoje a tarde. Mas foi bom ficar com eles. Eu estava com dor de cabeça e por incrível que pareca, cada um fez a sua parte para me ver melhor. Primeiro foi Gui, quando precisei deitar ele veio e me beijou e perguntou passou rsrs. É assim que faço com ele. Depois foi a fez de Peu que contou que também fez exame e que entrou no buraco e foi contato o seu exame como se fosse uma aventura.Não teve ninguém que não desse risada. Ele é o mais tímido e fez uma linda declaração de amor, fiquei emocionada. É nesses momentos que vejo como eles me amam e eu amo eles. Lu me chamou e depois disse não precisa tia eu me resolvo sozinho rsrs. Todos os três compreenderam dentro do possível que hoje precisava fazer um pouco de repouso. Ate a minha filha falou que bonitinho rsrs. Realmente foi uma tarde leve e feliz e isso é bom demais. A minha filha me ajudou com eles e a tarde passou voando. Entreguei a minha sobrinha eles, achei ela muito abatida. Ela falou quando estava indo embora que eles não iriam vim esses dias. Só escuto Peu gritar você ouvir isso tia ? rsrs. Depois entrei em contato com ela e perguntei o porque ? E ela me respondeu que me achou muito abatida, e eu respondi que também achei ela muito abatida. Acho que na verdade todos estamos abatidos, a minha filha está com olheiras bem roxa e fisionomia acabada. O maior temor da minha filha e que seja crise e por eu esta sem o portcath, confesso que hoje também sentir tristeza pela perda do portcath, mas Deus esta na direção da minha vida. Passo a passo sem ansiedade, com confiança em Deus vamos vencendo as batalhas. Para vocês meus amigos.
               Resultado de imagem para um lindo final de semana a todos
                     

quarta-feira, 19 de outubro de 2016

CONSULTA MEDICA - FAMÍLIA VAMOS NO SEGURAR NO AMOR DE DEUS.

             
            Resultado de imagem para UMA MULHER DE JOELHOS

Boa noite meus amigos, não consigo nem o alivio da dor de cabeça. Já esta começando a ficar complicado. Em pé me sinto mal, deitada a situação que antes melhorava agora é bem pior, fico tonta e enjoada. Hoje por insistência de familiares fui ao medico. A situaçao está tensa, ao ouvirem algum barulho já pensam que sou eu caindo.  Estou com uma dor de cabeça que não passa. Tomando queda sem nem saber o que esta acontecendo e sentido muita tontura. O medico como sempre cuidadoso. Ele passou uma ressonância do cranio. Agora é realizar, pois se de normal é mais uma crise do feocromocitoma.

Conseguir marcar o exame para amanhã 12 horas, e quem vai ser tia amanhã é a minha filha. Ela olhou pra mim e disse é verdade ? Logico, a não ser que eu não faça o exame, logico que ela concordou em olhar eles. Mas do exame venho direto para casa, então ela vai ficar com eles sozinha apenas umas duas horas. Tenho certeza que ela vai se sair bem, é bom que ela ocupa a mente, como se dizem mente vazia é oficina do inimigo. E os pequenos a ama e ela a eles. Acho ate que vai se bom para todos.

O que acontece com a minha família ?

A frase da minha filha-  Quero morrer.
A frase da minha sobrinha- Posso morrer ?
A frase do meu irmão-  Já vivi muito.
Os atitudes da minha irmã, aceitou a morte.
A minha frase é antes de pensarem em morrer, lembre-se que tem pessoa aqui que depende da sua vida para viverem. Eu com isso não  quero dizer que não esta dificil, está e muito, mas o amor é capaz de superar a dor, com amor temos consciência que devemos seguir em pro dos que amamos e precisam de nós. Logico se fosse possível eu também sumiria ate que passassem as calamidades.
                                                    ME AJUDA SENHOR.
                  Resultado de imagem para uma mulher  orando de joelhos CHORANDO



terça-feira, 18 de outubro de 2016

QUANDO AS COISAS FICAM PESADAS DEMAIS.

           Resultado de imagem para UMA MULHER BUSCANDO DEUS
Esta dificil, bem dificil. Nesse momento queria deitar e dormir. Mas não conseguir nem por um minuto pegar no sono. Estou vendo o dia amanhecer na mais completa dor. Por uma lado a dor física, a  minha dor de cabeça não da uma trégua. Esta marcado amanhã com o meu medico, isso é hoje dia 19 as dez horas. Família em cima para que eu não falte. Mas agora não é minha vida que é prioridade. Por outro lado a dor emocional de querer fazer algo e nada poder fazer, porque preciso ver quem amo a padecer. Meu pequeno piorou, não conseguir nem ficar em pé. Chegou se jogou na cama dele, depois o carreguei e coloquei no meu quarto, e ele ficou gemendo com dor de cabeça e febre alta. Na hora de ir embora, a mãe o carregou colocou no sofá e ele se encolheu e me chamou. A mãe o pegou e o levou junto com seus irmãos. Ela não quis ficar aqui, porque sabia que a minha pressão estava muito alta e disse que eu preciso descansar. Como eu não sei ? Seria melhor perder a noite cuidado dele, do que preocupada com ele. Se ele estivesse aqui, teria perdido a noite com um motivo útil. Quero meu Deus e que acabe logo esse pesadelo. Porque crianças ficam doentes? A mãe coitada arrasada. Só faz dizer esta foda. A minha filha hoje chorou durante um bom tempo, só dizia me abrace e ver a tristeza dela terminou de me arrasar. Ao dormir ficou nos meus braços e a unica coisa que pode dizer é que a vida é assim e  que ela precisava viver. E ela respondeu que a vontade dela é morrer. O que está acontecendo meu Deus ? Deus eu preciso do senhor. Esta dificil, dificil demais.

É meus amigos estou aqui mais uma vez colocando para fora os meus sentimentos, para não sufocar. Nada faz sentido. Porque tem que ser assim ? Hoje começa um novo dia, e eu não sei como vai ser, a minha vontade e não ir a lugar nenhum. Cansei, cansei de ir para médicos, cansei de tomar remédio e não ver surgindo efeito, cansei de ver  a minha filha sofrendo, cansei de ver as crianças sofrendo, sem ter feito mal nenhum na vida. Cansei de não conseguir dormi, cansei de ver o dia amanhecer, cansei das crises do feocromocitoma. Estou cansada de sentir dor. Cansei de TUDO.

segunda-feira, 17 de outubro de 2016

FELIZ DIA DOS MÉDICOS - AGRADECIMENTO - UMA LINDA SEMANA A TODOS.


 Resultado de imagem para 18 de outubro dia dos medicos

Sou grata a Deus, pelos médicos humanos, competentes que me ajudam chegar ate aqui, fazendo a diferença na minha vida. Como portadora de feocromocitoma, tive inúmeras experiencia com bons e ruins profissionais. Mas nesse dia de comemoração e reconhecimento no dia 18 de outubro, em venho com antecedência agradecer, aqueles que foram exemplo de humanidade, competência. Sou imensamente grata por toda assistência que recebi ao decorrer desses anos e que ainda recebo do meu medico assistente Dr. Emerson Porto, e muitos outros profissionais da Fundação Baiana de Cardiologia. E sou imensamente grata aos profissionais que passaram pela minha vida. Deixando no meu coraçao uma eterna gratidão, Como Dr. Daniel May e Durval Kraychete eles fizerem de tudo o que um medico poderia fazer por um paciente, reconhecendo que eu sentia dor e procuraram tratar da melhor forma possível. Me pegaram na pior época da minha vida, onde eu não aguentava mais, a dor estava me matando aos poucos e tirando a minha alegria de viver. Mas como sempre Deus tinha algo programado para a minha vida, pois sempre surgia um anjo divino no meu caminho contribuindo para que eu ficasse viva. Só citei poucos nomes mais a minha lista de médicos que eu sou grata é grande Para ser sincera, eu encontrei na vida mais profissionais bons do que ruins, os bons gravamos no coraçao e os ruins esquecemos.
Aproveitando uma pequena folga, para deixar aqui o meu agradecimento aos médicos iluminados e mandados por Deus. Hoje meu eterno agradecimento é pelo medico Dr Celso Pugliese [ Infectologista] o qual salvou a minha vida em 2007, pela idade avançada, jamais poderia imaginar que ele ainda estivesse nessa existência, salvando vidas. Em um completo desespero pela doença do meu pequeno, roguei a Deus que me ajuda-se a escolher o melhor medico para o meu sobrinho, e liguei para varias clinicas procurando um infectologista infantil e fui para justamente em seu consultório, quando a atendente disse o nome dele as lagrimas foram rolando, foi a maior prova que Deus me deu da sua existência. Como sabem a minha irmã perdeu os movimentos por uma infecção não diagnosticada, tendo mielite transversa, meus pequenos amozinhos são neto dela, e convive na mesma casa, então o desespero de todos foi grande. Primeiro suspeitaram de Leucemia, depois dos exames suspeitaram de infecção. Nem preciso dizer como eu fiquei, passei dias sem viver, apenas me mantendo viva. Foi quando esse anjo de luz examinou o pequeno e disse as palavras que eu nunca vou esquecer, que não era Leucemia e que a infecção tinha tratamento que ele iria ficar bem. Se estivesse o procurando no começo da infecção do meu portcath talvez eu não o tivesse perdido, mas as coisas só acontece no momento certo, e foi quando mais eu precisei que eu o reencontrei. Surgindo também a esperança que a minha irmã seja avaliada por ele e volte a andar. E a outra grande gratidão é pelo meu medico Dr. Emerson Porto [ cardiologista] que fez de tudo para que a retirada do portocath fosse realizada da melhor forma possível, e o mais rápido para que a minha vida não corre-se riscos desnecessários, e que ao decorrer de todos esses anos vem me tratando com competencia e zelo. Que Deus o abençoei e que continue exercendo a profissão dessa maneira tão especial.

Eu quero de coraçao agradecer a todos que de alguma forma me ajudaram a chegar ate aqui, se formar é fácil, cumprir o juramento que se faz ao se formar não é para todos, poucos são aqueles que fazem a diferença na vida de alguém. Obrigada aos quais fizeram e faz diferença nas nossas vidas. 

Para todos os meus amigos, visitantes uma abençoada semana. 


             Resultado de imagem para MEUS AMIGOS UMA LINDA SEMANA A TODOS












sábado, 15 de outubro de 2016

MEU SÁBADO- A DOR RESOLVEU FAZER MORADA DO MEU CÉREBRO- INTRODUZINDO O MAXIMO DE ANTI-HIPERTENSIVOS.


Boa noite meus amigos, a dor de cabeça não me da uma trégua, nada de ter alivio. É só fazer algum movimento que começa tudo de novo, um verdadeiro horror. A minha pressão entra no ritmo da dor e vai aumentando junto. Se me perguntarem o que fiz hoje a resposta é sobrevivi rsrs. A minha nuca está dura feito pedra. Se tentei massagear? ainda não, para ser sincera, estou ate com medo de fazer movimento. Acho que passei o dia sendo estatua. Logico estou cansada. Não posso ler, mal entrei no computador, mal sair da cama, não cheguei perto de nenhum alimento, foi o dia todo eu e Lila a nossa cachorrinha que ficou zelando o meu sono e a minha inquietação rsrs. Mas por um lado estou bem emocionalmente porque quem amo estão todos bem, a minha filha passou o dia estudando, os pequenos felizes, amanhá vão fica comigo. Essa dor de cabeça veio para estourar meus miolos. Mas ate agora não sei nem como o meu humor está o mesmo, fazendo piada na minha propria infelicidade rsrs, Só não posso sorrir da infelicidade dos outros, mas os meus problemas preciso aceitar com resgnaçao, pois sei que tudo passa, essa dor dos infernos também passará. Amanhá é outro dia, e sempre o outro dia é diferente, só espero que seja para melhor. Pois para piorar vai ser como dizem a treva rsrs. Estava no telefone com meu irmão, e só ouvia ele dizer é brincadeira, e eu respondia é verdade rsrs. Primeiro foi meu peso, eu estou pesando 92 kilos, ele logico pensou que estava gozando com a cara dele, mas é verdade, como nem me perguntem? Depois a historia do meu irmão que mora conosco o Onofre. Levantei carregando a minha cabeça, quando eu escutei meu irmão ao telefone, exclamando foi mesmo, você bateu o carro, está ferido. Logico tive que levantar, e perguntei a ele que era, ele respondeu é George, bateu o carro, está vindo para cá, graças a Deus tomei o telefone dele e perguntei o que foi George e o homem coitado do outro lado da linha responde aqui é o Jorge, quem ? É o jorge de São Paulo, meu senhor eu não conheço nenhum Jorge rsrs. Eu não sabia o que fazer, não entendo como meu irmão ficou no telefone mais ou menos 10 minuto com o tão Jorge e nenhum dos dois perceberam quem não se conhecia kkk. Logico que o meu irmão de fato o George pensou que eu estava fazendo piada, mas acreditem foi verdade rsrs. A sorte é que minha pressão quando tomo susto ocorre hipotensão, pois se subisse estaria frita com a minha abençoada família rsrs. Pelos menos de susto eu não morro.......

 

TABELA DE MEDICAÇÃO EM DOSAGEM MÁXIMA.
Minipress [3 cp em 12/12 horas e 2 cp em 12/12 horas.] 
Carvedilol [25 aumentei a dose para 8/8 horas]
Atensina-[ O,200mg 1 comp em 8/8 horas.]
Diovan Anlo fix (320/10 mg, 1 vez ao dia )
Minoxidil (10mg em 12/12 acrescentei ontem ]
Aldactone-[ uma vez ao dia. ]
Lasix -[40 mg uma vez ao dia]
Omeprazol 20mg em 12/12 horas
Clexane[ 40mg em 12/12 horas]
Monocordil[ 20 mg em 8/8 horas]
AAS [100 mg- 1 vez ao dia ]
Hidantal-[ 100mg em 12/12 horas ]
Sinvastantina [40 mg uma vez ao dia.]
Essas é a pressão arterial maiores de hoje, teve uma grande melhora da de ontem. 



                           
Quando a minha filha ver que não estou comendo, olha o que ela pede, depois pergunta porque eu estou engordando rsrs.  Mas hoje nem pizza, nem sorvete desceu. Mas amanhá é outro dia.

Um lindo domingo a todos vocês. Pode a vida querer lhe ver chorando, mas Deus nos que sorrindo. Então vamos sorrir rsrs.

                 Resultado de imagem para gif sorrindo

 

quinta-feira, 13 de outubro de 2016

JÁ É DIA, PERA DEIXA EU ACORDAR DE NOVO -O QUE É CRISE DE FEOCROMOCITOMA

            Resultado de imagem para GIF UMA MULHER LUTANDO COM UMA DOR DE CABECA
Ontem eu acordei, e não conseguir nem manter os olhos abertos, uma dor de cabeça infernal, isso ainda pela madrugada, uma cinco horas da manha, tentei reagir [ Reagir essa frase ficou gravada, pois a minha sobrinha ama usa-la, todos os filhos pegam virose e ela nada. E teve uma vez que disse a ela que um dia que ela pegasse virose, saberia como era reagir a ela rsrs. Tudo o que dizemos uma parcela recebemos e na época eu e ela amanhecemos com uma dor na garganta, e ela veio se queixar comigo no carro e eu logo respondi reaja rsrs. Depois na época comentei que estava com a mesma coisa e ambas percebemos que era no mesmo lugar nas duas e com as mesmas características e demos risada. Mas acho que ela ainda não teve uma virose, não que eu esteja desejando isso, nem pensar, tudo o que desejamos de ruim para uma pessoa recebemos uma parte dela. Como falei um dos pequenos esses dias teve virose, e passou o dia merecidamente na cama. Pode ser que eu esteja também com virose, mas uma coisa eu sei eu só pensava nele, quando me disse que a cabeça explodia. A minha sobrinha disse que ele reagiu. Ontem ela apareceu aqui sozinha, pensando ser alguma coisa com os pequenos levantei e ela me olhou e me perguntou o que você tem ? Está pessima. Nem preciso dizer o que ela disse reaja kkk. Mas foi um dia feliz para os pequenos, para a minha filha e para todos, e isso é bom demais. Eu passei o dia todo na cama, sair nem passou pela minha cabeça, mal conseguir levantar a cabeça. O meu máximo foi ficar no virtual e tomar banho, isso como tentativa que a água alivia-se a dor.

Hoje outro dia amanheceu, e dor de cabeça está bem presente, comecei a usar medicação analgésica de horário, não vou ficar com os pequenos, a minha sobrinha vai trabalhar a tarde e deixa-lo na escola. A minha filha como sempre é um amor, hoje acordou 5 horas e deixou tudo ao meu alcance para que eu não precisa-se nem levantar. Café na cama etc, obrigada filha pelo carinho e amor. Pela intensidade da dor de cabeça, existe a opção de ser crise mas também pode ser uma virose, o que estou fazendo e tentando me alimentar, tomando as medicaçoes rigorosamente e não dando asas a imaginação, pois a dor é tão incapacitante, que surge aqueles pensamentos indesejados de ser algo serio. E no ultimo més o que não faltou foi porrada na cabeça.  Ate com galo fique e não dei importância e nem ao medico fui. Mas devemos manter pensamentos positivos, e pensar que é apenas uma cefaleia e que tudo mais uma vez vai entrar no eixo.

Para quem possa interessar O QUE É CRISE DO FEOCROMOCITOMA, caso queria entrar em contato comigo o  meu e-mail é mirtes_bastos_stolze@hotmail.com. 

Crise do feocromocitoma, são crises adrenérgicas graves, é quando o tumor o feocromocitoma produzem diversos hormônios, incluindo a norepinefrina e epinefrina (adrenalina). Estes hormônios regulam as funções corporais vitais, como pressão arterial, estresse, glicemia, resposta imune, metabolismo e frequência cardíaca. Se o corpo produz qualquer um desses hormônios em quantidade maior a pessoa passa a se sentir mal. No caso do feocromocitoma, os tumores induzem a produzir norepinefrina e epinefrina em demasia. O feocromocitoma é raramente canceroso, mas pode ser perigoso devido à flutuação de níveis hormonais que causa. Oitenta e cinco por cento dos feocromocitomas estão nas glândulas suprarrenais. Os outros quinze por cento estão fora das suprarrenais. Os feocromocitomas produzem e liberam as catecolaminas [ Estes hormônios específicos controlam a frequência cardíaca, pressão arterial e o metabolismo.] A crise adrenérgica resulta de um súbito aumento de hormônios . O aumento da produção hormonal pode causar diversos problemas que podem ser potencialmente fatais se não forem tratados. A hipertensão, ou pressão arterial elevada, é um exemplo de uma complicação que pode se originar da crise adrenérgica. A pressão arterial elevada aumenta o risco de doença cardíaca e derrame. O diagnóstico de feocromocitoma se baseia em irregularidades nos níveis hormonais. Altos níveis de catecolaminas podem ser um indicativo de tumores. As perspectivas dependem de duas condições: o diagnóstico correto e um cirurgião especializado. O feocromocitoma pode se desenvolver em qualquer idade, mas é mais comum durante o início até a metade da vida adulta. No início, acreditava-se que o feocromocitoma ocorria aleatoriamente. Pesquisas recentes indicam que ele pode ser herdado. Isso significa que é transmitido de geração para geração. Os sintomas resultam da produção de hormônios em excesso e sua liberação. Um grande aumento repentino em hormônios é chamado de crise adrenérgica. A crise adrenérgica provoca hipertensão grave (pressão sanguínea alta) e taquicardia (ritmo cardíaco acelerado). Os sintomas clássicos do feocromocitoma são: surtos episódicos e súbitos de fortes dores de cabeça; Sudorese; dor abdominal; hipertensão (pressão sanguínea alta) que pode ser resistente aos medicamentos convencionais; batimento rápido do coração; ansiedade e irritabilidade e muitos outros sintomas. O diagnóstico do feocromocitoma tem se tornado mais preciso com a tecnologia moderna. No entanto, é ainda difícil de ser diagnosticado. O feocromocitoma não diagnosticado é potencialmente fatal. Sem tratamento, uma pessoa que tiver feocromocitoma corre alto risco de morte. Algumas razões para a morte incluem: crise de pressão arterial alta (hipertensão); arritmia (batimentos cardíacos irregulares); infarto do miocárdio (ataque cardíaco); crise multissistêmica (vários órgãos do corpo começam a falhar). O diagnóstico precoce não é suficiente para garantir o sucesso do tratamento. O cirurgião deve ser altamente qualificado e capaz de lidar com as prováveis complicações da cirurgia. Se o diagnóstico tiver sido feito a tempo e se a cirurgia for realizada por um cirurgião experiente, a taxa de mortalidade é bem menor.

           A todos os meus amigos e visitante um feliz final de semana.
    Resultado de imagem para final de semana chegando


terça-feira, 11 de outubro de 2016

COMO AS CRIANÇAS NOS ENSINAM - FELIZ DIA DAS CRIANÇAS.

              Resultado de imagem para um feliz dia das criancas
Boa noite meus amigos e visitantes. Ontem pela primeira vez, vi os gêmeos brigando com palavras, as vezes eles brigam, se batem, mas ontem um dizia para outro coisas horríveis rsrs. Quero que fiquei machucado, e o outro dizia quero que quebre a cabeça rrsrs. Todos por aqui se acabando de rir. Logico que foi engraçado, mas fui intervir, ou tentar rsrs. Levei a bíblia infantil e tentei começar a contar a historia, ele aceitam que eu conte ao iriem dormir, mas na briga, nem pensar, logo o nome de Deus estava na briga, quero que Deus te castigue, e e logo o outro disse Deus não castiga e por ai vai. Quando percebi que tinha me tornado invisível diante deles rsrs, resolvi sentar no meio e perguntar sobre o desenho que estava passando e finalmente a briga acabou. Sou acordada hoje pela minha filha me chamando para ver como eles estavam, eles estavam dormindo um abracado ao outro. Muito lindo. Mas uma lição aprendida com eles, as crianças muitas vezes nós da exemplo lindos de como devemos agir, brigas acontecem, mas toda as vezes que seja possível, devemos fazer como as crianças, esquecer e continuar com harmonia. Meu sobrinho maiozinho, irmão dos gêmeos, adoeceu. Febre alta, no caso dele gracas a Deus é apenas a garganta inflamada. Logico mimei o que pude. Passei o dia oferecendo liquido, inventado historia e ele assim acabou aceitando melhor a alimentação. Hoje pela manhã eu peguei a minha filha olhando ele dormir com os olhos cheio de amor, e isso me vez brincar com ela, e ela me respondeu parece tão frágil mãe ele assim. Já me perguntaram se a minha filha tem ciume dos pequenos, ela não tem, jamais terá, porque ela os ama, como eu amo, ela cuida, como eu cuido, ela zela como eu zelo, e eu e ela temos uma abertura total, logico que as vezes conversamos sobre isso, mas é para deixar claro que eu a amo mais do que tudo, depois dela vem os pequenos e toda a minha família.


Todos nós para sermos felizes temos que tem um pouco da criança que temos em nós, amar com as crianças amam, perdoa como as crianças perdoam, esquecer como as crianças esquece, levantar na mesma rapidez que as crianças fazem, ter o coraçao puro como elas. Não existe nada mais puro e verdadeiro do que o amor de uma criança. Vamos observar o lindo exemplo das crianças, aprender a viver como elas, assim sendo com certeza seremos muito mais feliz.  

Um feliz dia das crianças para todos, tinha ate esquecido que amanhá é feriado, mais a minha filha me lembrou que amanhá é dia das crianças e ela que o seu presente rsrs. Ela tem razão, filhos são sempre crianças ao olhos de uma mãe. Já comprei o presente dela, mas quis fazer suspense, mas não resistir e já contei que comprei, e ela foi logo dizendo que não quer chocolate e o que eu comprei para ela foi exatamente chocolate kkk. Um feliz dia das crianças filha, um feliz dia das crianças meus amorezinhos, que Deus com a sua infinito amor, cubra você filha e aos pequenos com o seu amor sagrado, dando a vocês sempre muita saúde e alegrias. Um feliz feriado para todos meus amigos virtuais e visitantes e feliz dia das crianças  para casa uma das crianças das suas famílias.

                   


     

domingo, 9 de outubro de 2016

COMUNICADO AOS AMIGOS VIRTUAIS- FEOCROMOCITOMA E HIPOTENSÃO.

Boa noite meus amigos e visitantes, esse blog é uma terapia para mim, um local que desabafo, um local que me sinto acolhida com carinho, atenção e ao qual fiz amizades que considero muito. Não tenho palavras para agradecer todo o apoio que recebo. Mas as vezes a vida lhe cobra mais tempo, e todos sabemos que para manter um blog, retribuir visitas e está sempre presente nos blogs amigos exige tempo disponível. Enquanto viver eu estarei visitando vocês e postando por aqui. Mas terá semana que já perceberam ou vão perceber que não estou presente. Outras prioridades importante surgiram e logico eu quero fazer o que estiver ao meu alcance e com isso finalizando estarei aqui nos finais de semana. Talvez no meio da semana faça alguma postagem, mas estarei os visitando mesmo durante os finais de semana. Uma linda semana para todos.

                O domingo dos meus maiores amores. O da minha filha e a dos pequenos .

                       
   A minha amada filha foi ao cinema com uma amiga, e ambas gostaram do filme.

                         
                 Meus três amores aproveitando o lindo sol que fez hoje.


                              
Nem preciso dizer de como estou feliz por tudo está voltando ao normal. Mas como tudo não pode ser perfeito a pressão resolveu despencar de vez , com isso tive hipotensão, as medidas podem ate ser normal para muitos, mas para mim é hipotensão, ao qual tenho que levantar em câmara lenta, para não despencar no chão rsrs.  Comer virou martilho, tontura virou rotina, e por incrível que pareca me sinto muito pior com a pressão baixa do que alta. Com a diferença que me sinto mal, mas sem dor, e isso já é um alivio.  A vida segue, e a rotina retorna, com a diferença que meus pequenos amorezinhos estão mais tempo comigo, e eu como já deu para perceber amo te-los ao meu lado rsrs.


Para quem possa interessar deixo aqui alguns artigos retirados da net sobre feocromocitoma, caso queria entrar em contato comigo o  meu e-mail é mirtes_bastos_stolze@hotmail.com. 



FEOCROMOCITOMA É UM TUMOR RARO, originário das células cromafins, e sua manifestação clínica mais comum é elevação da pressão arterial.  Estimava-se que cerca de 1 em cada 1000 pacientes hipertensos fosse portador de feocromocitoma, mas avaliações de populações de hipertensos, de material de autópsia e de pacientes portadores de incidentaloma adrenal têm demonstrado uma prevalência um pouco maior dessa patologia. Particularmente, os estudos referentes aos incidentalomas adrenais têm demonstrado que uma porcentagem significativa desses tumores são feocromocitomas. Desta forma, muitos tumores não diagnosticados durante a vida porque eram assintomáticos ou porque não foram devidamente investigados podem ter sido responsáveis pelo óbito do paciente, como demonstram vários estudos de autopsia. De qualquer forma, embora o feocromocitoma seja uma causa rara de hipertensão, o seu diagnóstico é de fundamental importância porque:
1) Oferece oportunidade para que a hipertensão possa ser curada através da cirurgia; 2) Cerca de 10 a 15% desses tumores são malignos e seu diagnóstico precoce é importante no sentido de se evitar evolução metastática; 3) O feocromocitoma, como veremos posteriormente, pode ser o indicador da presença de síndromes genéticas e, dessa forma, ser a primeira pista para a descoberta de outros tumores que também podem ser fatais, como o carcinoma medular de tireóide na síndrome NEM 2A e 2B ou como tumores cerebrais e renais na síndrome de von Hippel-Lindau; 4) Finalmente, o feocromocitoma pode provocar crises adrenérgicas associadas com grande morbidade e mortalidade cardiovasculares, de tal forma que a não identificação do tumor pode ser fatal para o paciente. 
QUADRO CLÍNICO
 A história clínica teve duração variável. Portanto, duração prolongada da história clínica não deve afastar a possibilidade do diagnóstico desse tumor. A maioria dos sintomas e sinais encontrados em pacientes portadores de feocromocitoma é conseqüência direta dos efeitos cardiovasculares, metabólicos e viscerais das catecolaminas, embora nem sempre seja possível correlacionar o quadro clínico com os níveis destas aminas. Em primeiro lugar, poderiam haver diferenças individuais na sensibilidade dos vasos periféricos às catecolaminas. Em segundo, sabemos que a liberação constante de catecolaminas leva a uma diminuição da sensibilidade dos receptores adrenérgicos às catecolaminas, fenômeno esse descrito como down regulation, e que poderia explicar a ocorrência de níveis elevados de catecolaminas e pressão arterial normal. Este fenômeno também poderia explicar a hipotensão arterial que pode ocorrer nos pacientes com feocromocitoma. Em terceiro lugar, a vasoconstrição mantida poderia levar a uma resposta adaptativa de diminuição da volemia, que tenderia a baixar a pressão arterial, mesmo frente a níveis elevados de catecolaminas. Embora essa hipovolemia não tenha sido documentada em todos os pacientes portadores de feocromocitoma, ela poderia explicar tanto a falta de correlação entre os níveis de catecolaminas e os da pressão arterial, bem como a ocorrência de hipotensão postural. Em quarto lugar, o feocromocitoma poderia produzir substâncias vasodilatadoras e as suas ações se somariam às das catecolaminas, modificando a resposta dos vasos e, portanto, o efeito final sobre a pressão arterial. Os tumores também podem produzir outras substâncias vasoconstritoras, além das catecolaminas, sendo uma delas o neuropeptídeo Y, e isto, também, poderia explicar a falta de correlação entre pressão arterial e o nível de catecolaminas.  Portanto, qualquer fator que ative o sistema simpático poderá provocar crises hipertensivas importantes sem aumentar proporcionalmente o nível de catecolaminas circulantes, porque a NA liberada na placa efetora tem grande eficácia biológica. Este fenômeno, de ativação do SNS, pode explicar a dissociação existente entre os níveis de catecolaminas circulantes e da pressão arterial e porquê fatores que atuam no sistema nervoso central (hipoglicemia, estresse, anestesia etc.) podem provocar crises de hipertensão arterial em pacientes com feocromocitoma. A apresentação clínica em 74 dos nossos pacientes (81%) foi de síndrome hiperadrenérgica, ou seja, hipertensão arterial associada ou não a outros sintomas dependentes da produção tumoral de catecolaminas. Desses, 74% se apresentava com hipertensão arterial mantida, à qual se somavam crises adrenérgicas, 14% tinha hipertensão mantida sem crises e 12% manifestava paroxismos adrenérgicos, mas com valores de pressão arterial normais nos períodos intercrises. O confronto desses dados clínicos com os da literatura revela apenas uma diferença digna de menção. Se comparados aos de outras casuísticas, os nossos pacientes apresentaram menor freqüência de hipertensão arterial paroxística com normotensão entre as crises, e também menor freqüência de elevação mantida da pressão arterial sem crises adrenérgicas . Um dado clínico característico do feocromocitoma é a labilidade da hipertensão arterial, mesmo nos pacientes portadores de hipertensão mantida. Os principais sintomas durante as crise foram palpitação (77%), cefaléia (73%) e sudorese (70%). Todos os nossos pacientes com crises adrenérgicas apresentavam um ou mais desses sintomas: 41% tinha os três, 31% dois deles e 28% .Portanto, a ocorrência de paroxismos de hipertensão arterial associados à sudorese, cefaléia e/ou palpitação é um dado bastante sugestivo de feocromocitoma e, portanto, tem valor preditivo positivo para este diagnóstico. Outros sintomas e/ou sinais, em ordem decrescente de freqüência, foram palidez, náusea, dor abdominal, dispneia, tontura, vômitos, tremores, dor torácica (tipo angina), embaçamento visual, poliúria pós-crise, convulsão, rubor facial, dor nucal, urticária, acidente vascular cerebral hemorrágico, flushing, calafrios e dor óssea .Sintomas como nervosismo e ansiedade foram freqüentemente relatados durante os paroxismos. Um dos pacientes se apresentou com quadro de acidente vascular cerebral hemorrágico e exemplificou a grande morbi-mortalidade dos paroxismo. Entretanto, em algumas circunstâncias, pode haver aumento de fluxo sangüíneo em pele devido à liberação de substâncias vasodilatadoras (tipo histamina) pelo tumor ou à vasodilatação reativa que se segue à vasoconstrição prévia. Além dessa sintomatologia, obstipação intestinal e perda de peso foram dados freqüentemente relatados na história clínica. Os paroxismos adrenérgicos ocorreram com uma freqüência variável. Essas crises podem ser desencadeadas por inúmeros fatores como palpação abdominal, aumento da pressão abdominal durante evacuação, micção (nos feocromocitomas vesicais), uso de drogas (metoclopramida, quimioterápicos, glucagon) e problemas emocionais. Embora não tenha sido possível a identificação de um fator desencadeante na maioria dos nossos pacientes, em alguns deles as crises foram, claramente, desencadeadas por problemas emocionais. Em um paciente portador de feocromocitoma vesical, os paroxismos eram provocados pela micção, e em outro com feocromocitoma associado a linfoma, crises adrenérgicas graves foram desencadeadas durante a quimioterapia. Do ponto de vista de exame físico, além da hipertensão arterial e dos sinais presentes nas crises adrenérgicas, observou-se hipotensão arterial postural em 39% dos pacientes nos quais esse dado foi pesquisado. As explicações para a ocorrência deste fenômeno são: a) diminuição da volemia decorrente da vasoconstrição mantida e da sudorese persistente; b) diminuição da sensibilidade e do número dos receptores adrenérgicos devido à produção elevada de catecolaminas (dessensibilização adrenérgica); c) produção de substâncias vasodilatadoras; e d) presença de falsos transmissores. Como já foi referido, praticamente todos os nossos pacientes eram hipertensos, mesmo aqueles com hipotensão postural importante. Anormalidades eletrocardiográficas, como alterações da repolarização e sobrecarga ventricular esquerda ocorreram, com freqüência, nos nossos pacientes. O comprometimento cardíaco no feocromocitoma se deve ao aumento da pós-carga (miocardiopatia hipertensiva), à injúria miocardia devido ao efeito lesivo direto das catecolaminas na musculatura cardíaca e à isquemia decorrente da vasoconstrição.  Um sinal, referido com relativa freqüência na literatura e que não foi observado nos nossos pacientes, é a presença de febre; esse sinal merece destaque porque pode ser acompanhado de neutrofilia, também decorrente da produção excessiva de catecolaminas, principalmente adrenalina, e, nesses casos, a hipótese de infecção é quase sempre aventada desviando-se a atenção do diagnóstico de feocromocitoma. Como já foi discutido, os feocromocitomas podem produzir outros peptídeos e aminas, incluindo somatostatina, calcitonina, vasopressina, ACTH, histamina e serotonina, dentre outras. Embora algumas dessas substâncias possam modular ou mesmo neutralizar o efeito das catecolaminas, a sua produção, em geral, não tem tradução clínica, revelando-se apenas em estudos imuno-histoquímicos do tumor. Por outro lado, a produção dessas substâncias pode predominar na determinação do quadro clínico, introduzindo um sinal ou sintoma não muito usual. Exemplos disso são feocromocitomas produtores de outras aminas vasoativas que provocam quadros do tipo alérgico e tendência à hipotensão postural, de ACTH que leva à síndrome de Cushing, de fatores eritropoiéticos com conseqüente policitemia e de PTH com hipercalcemia. Quatro dos nossos pacientes apresentaram quadro clínico de síndrome de Cushing; dois deles eram portadores de tumores produtores de catecolaminas e ACTH e dois tinham tumores produtores apenas de ACTH. 
FEOCROMOCITOMA ASSOCIADO A SÍNDROMES GENÉTICAS Na maioria das vezes, o feocromocitoma é um tumor esporádico, não familiar. Entretanto, ele pode apresentar-se como uma patologia genética, com herança autossômica dominante de alta penetrância, ocorrendo isoladamente ou associado a outras patologias. As causas genéticas de feocromocitoma incluem as neoplasias endócrinas múltiplas do tipo 2 (NEM2), doença de von Hippel-Lindau (VHL), neurofibromatose tipo 1 (NF1), sindrome de paraganglioma familiar e feocromocitoma isolado.
DIAGNÓSTICO O diagnóstico de feocromocitoma pode ser divido em três etapas: 1) Diagnóstico Clínico; 2) Diagnóstico Bioquímico; 3) Diagnóstico Topográfico. A suspeita clínica de feocromocitoma, embora seja facilmente levantada nos pacientes com quadro clínico característico, pode não ser cogitada nos casos atípicos ou assintomáticos, e o tumor pode não ser detectado, com conseqüências por vezes letais para o paciente. Para evitarmos esta ocorrência, a principal atitude do médico na investigação de um paciente com a possibilidade, mesmo que remota, de ser portador de feocromocitoma é a de proceder às investigações necessárias, que excluam ou confirmem a existência desse tumor. Deve ser selecionado para o rastreamento bioquímico de feocromocitoma qualquer paciente que tenha manifestações sugestivas de feocromocitoma, mesmo que remotamente. Alguns grupos de pacientes requerem certamente a investigação bioquímica pela determinação das metanefrinas plasmáticas ou pelas determinações de catecolaminas plasmáticas e metanefrinas urinárias, como veremos a seguir. Esses grupos incluem pacientes: 1) Com paroxismos de palpitações, cefaléia e sudorese com ou sem hipertensão arterial; 2) Com história familiar de feocromocitoma, com manifestações das síndromes genéticas ou com familiares portadores dessas síndromes (NEM2A, VHL, NF1 e paragangliomas); 3) Com incidentaloma adrenal; 4) Com crises de hipertensão ou arritmias motivadas por intubação, cirurgia, anestesia ou parto ou com hipotensão arterial inexplicável após cirurgia; 5) Com crises de hipertensão arterial ou paroxismos adrenérgicos desencadeados por coito, micção, exercícios, mudança de posição; 6) Com crises de hipertensão arterial ou paroxismos adrenérgicos desencadeados pelo uso de b-bloqueadores, antidepressivos tricíclicos, fenotiazídicos, histamina, glucagon, tiramina, TRH, ACTH, quimioterápicos DIAGNÓSTICO LABORATORIAL O objetivo da avaliação laboratorial, em pacientes com feocromocitoma, é demonstrar a produção excessiva de catecolaminas, principalmente noradrenalina (NA) e adrenalina (A). Na grande maioria das vezes, isso é possível por meio da determinação das catecolaminas e dos seus metabólitos no plasma ou na urina. DIAGNÓSTICO TOPOGRÁFICO A decisão quanto à abordagem cirúrgica do feocromocitoma depende da localização do tumor e não deve ser tomada antes de se obter uma evidência radiológica do tumor, já que este pode ser múltiplo ou estar localizado em posições extra-adrenais.  Na identificação topográfica do tumor, devemos lembrar que, embora o feocromocitoma seja um tumor adrenal em 90% dos pacientes, ele pode se apresentar em localizações extra-adrenais desde a base do crânio até a pelve.  Tratamento Clínico O preparo pré-operatório dos pacientes com feocromocitoma é realizado com os objetivos de tratar a hipertensão arterial, evitar a ocorrência de paroxismos e de corrigir uma eventual hipovolemia. Se isto não for feito, os pacientes correm o risco de desenvolver hipotensão importante e mesmo choque hipovolêmico após a retirada do tumor e conseqüente desaparecimento da vasoconstrição. A droga tradicionalmente recomendada na literatura é a fenoxibenzamina, bloqueador a-adrenérgico não específico, não competitivo e de ação prolongada . Mais recentemente, tem sido utilizado o prazosin ou o doxazosin, que são bloqueadores a1 específicos, competitivos e com tempo de ação mais breve; devido a essas características, em relação à fenoxibenzamina o prazosin produz menos taquicardia reflexa, permite ajuste mais rápido da dose. Tratamento Cirúrgico O tratamento cirúrgico, com retirada total do tecido tumoral, constitui o único tratamento definitivo do feocromocitoma. Esta deve ser realizada por equipe altamente treinada e familiarizada com a técnica cirúrgica e com o tratamento das complicações intra e pós-operatórias que, com freqüência, ocorrem. Durante o procedimento cirúrgico, seja ele aberto ou laparoscópico, a pressão arterial média, a pressão venosa central, o ritmo e a freqüência cardíaca devem ser continuamente monitorizados. As reações hipertensivas que ocorrem, inevitavelmente, durante o manuseio cirúrgico do tumor devem ser tratadas com a infusão endovenosa de drogas de ação imediata, como o a-bloqueador adrenérgico fentolamina (Regitina) ou o vasodilatador de ação direta, nitroprussiato de sódio (19,99). A ocorrência de taquicardia e arritmias deve ser tratada com a administração endovenosa de propranolol. A administração de volume, principalmente após a retirada do tumor, deve ser efetuada quando os níveis de pressão arterial média e de pressão venosa central indicarem a presença de hipovolemia.  FEOCROMOCITOMA: BENIGNIDADE E MALIGNIDADE O feocromocitoma é, em geral, um tumor benigno. O diagnóstico de doença maligna deve ser feito apenas na presença de metástases em locais onde normalmente não existe tecido cromafin. Os dados da literatura indicam que 10% a 15% dos tumores são malignos, sendo que os locais preferenciais de metástases são linfonodos regionais, osso, fígado e pulmões  Os tumores extra-adrenais têm um potencial maior de malignização, alcançando cerca de 38% e os feocromocitomas de pacientes com síndromes familiares raramente são malignos. A terapêutica da hipertensão e das crises adrenérgicas deve ser a mesma recomendada anteriormente no preparo pré-cirúrgico dos pacientes EVOLUÇÃO E PROGNÓSTICO A hipertensão arterial e as crises adrenérgicas devem cessar imediatamente após a retirada do tumor. Entretanto, persistência de hipertensão no pós-operatório pode ser transitória, devido ao estoque excessivo de catecolaminas presentes nas terminações adrenérgicas simpáticas .Este fato deve ser levado em consideração na interpretação da hipertensão e de valores persistentemente elevados de metanefrinas no pós-operatório imediato. Portanto, o controle laboratorial deve ser realizado, pelo menos duas semanas após a retirada do tumor. Decorrido esse prazo, a manutenção da hipertensão, acompanhada de valores elevados de catecolaminas e/ou de seus metabólitos, sugere persistência de focos de tumor, que devem ser explorados de preferência com mapeamento de corpo inteiro com 131I-MIBG.

       Resultado de imagem para uma feliz semana a todos








sábado, 8 de outubro de 2016

MEU SÁBADO- DESENVOLVENDO A MINHA RESILIÊNCIA.

Boa noite meus amigos e visitantes. Não é fácil desenvolver a tão sonhada resiliência para enfrentar os momentos com a calma necessária sem que o estresse provoque estragos. Como aqui comentado meu estresse foi provocado por problemas de saúde familiares. Gracas a Deus tenho a minha filha que me ama e é amada por mim. E juntas damos apoio aos familiares que amamos. Passei por momentos sem chão. Foram dia que quis desaparecer. Mas o amor, é esse sentimento lindo que todos devemos manter no coraçao, mas que faz que sofremos muito. Se você ama, você cuida, você tenta proteger a todo custo, se você verdadeiramente ama, você não liga para mais nada se a pessoa estiver correndo algum risco, ou sofrendo de alguma forma. E sofrer é fácil, mas lidar com a outra pessoa em uma situaçao de risco é a pior dor que um ser humano pode passar. Não foi fácil, o mundo caiu sobre a minha cabeça, filha doente, sobrinho, familiares, pois a minha irmã a que perdeu os movimentos das pernas, o quadro dela piorou ainda mais. Mas foi uma semana que passei mais tempo  com os pequeninos e saber que eu estou fazendo algo foi atenuante. Foi uma semana corrida para a minha filha e por ela está andando tonta me deixou muito preocupada. Foi uma semana também que as decepções não pararam de ocorrer. Estava com uma funcionaria que achava o máximo, deixei ela com a minha outra irma que eu tomo conta, vinha percebendo uma piora grande da minha irmã, mas diante de tudo que estava ocorrendo nem passou na minha cabeça que essa miserável pudesse está maltratando a minha irmã de alguma forma. E confesso a vocês que ontem quando finalmente  a minha irmã me contou, eu fiquei paralisada. Sem ação, primeiro com um sentimento ruim de raiva do meu irmão, porque eu não deixo a minha irmã só com funcionaria nenhuma, eu deixo ele olhando, ou pensava que deixava, pois ficou claro que ele não olha nada, recebe dinheiro meu para isso, mas deve mesmo é ir dormir.  Hoje já coloquei outra pessoa e a minha irmã voltou a ficar calma, risonha, e eu sentir uma grande culpa por não ter percebido antes o que estava acontecendo bem abaixo do meu nariz.  Só de imaginar que eu estava ao ponto de viajar com a minha filha e deixar Lila e minha irmã com ela me da vontade de vomitar. Agora tudo isso acabou, segunda - feira vou colocar câmaras na minha casa. O que eu deveria já ter feito a muito tempo, mas é a aquela mesma historia, só quando acontece com a gente, é que percebemos como o mundo está cruel, sorrisos pode vim de um diabo que se fazia passar por uma funcionaria exemplo. Com toda a sinceridade eu pensei seriamente em não colocar mais ninguém, mas nesse momento não tem condições físicas para isso, então agora é ficar ligada nessa outra e ver o que ocorrerá. Quanto a minha saúde essa semana, estou sem apetite, tive algumas vezes febre, as vezes a pressão sobe, passei a conviver com uma dor de cabeça diária, mas estou em paz, voltei a fazer meditação, fiz um lugar perto da natureza para isso, fico na varanda, orando e vendo as estrelas, a lua e isso com certeza me deixou mais calma. Não estou feliz, mas também não estou triste. Estou simplesmente seguindo, pois a vida é assim, dias felizes, outros tristes. Não posso dizer que perdi a fé em Deus, ou dizer que ele não me escuta. Pelo contrario mais uma vez me sentir amada por Deus e ele ouviu os meus clamores.
                     
Eu e a minha  filha saído para esparecer. E quando chegamos ainda pedimos uma barca. Eu e a minha filha como já deu para todos perceber somos bem unidas. Como mãe as vezes pego no pé dela e ela como filha que me ama, fica com medo que eu faço algum que possa prejudicar a minha saúde. Mas  se existe um amor maior que eu por ela e ela por mim eu nunca vi. Ser mãe as vezes exigem que façamos o melhor para os nossos filhos, mas o meu coraçao é grande, 90 por cento é dela e a outra parte fica para os pequenos e família.

           Uma linda semana  a todos. Beijos.