sexta-feira, 28 de junho de 2013

ESTOU ME SENTINDO LEVE.

Hoje eu passei o dia em repouso,mas uma vez,achei prudente,pois a minha pressão estava muito alta,estava também com sintomas,em uso de diversas medicações,mas tudo na vida tem uma finalidade,hoje foi o dia da reflexão.Quando a morte bate na porta, bem de pertinho, a gente fica muito mais pensativa... O que, de fato, é a morte?? Se eu morresse hoje, o que eu teria deixado?  Eu sempre acreditei que a morte é uma passagem... uma espécie de portal para algo ainda mais intenso do que essa vida na terra; como se aqui fosse uma universidade que nos prepara para um doutorado em outra realidade, muito mais intensa, muito maior... Depois da doença, a confrontação com a morte passa a ser algo mais “real,o feocromocitoma te coloca varias vezes  cara a cara com a possibilidade de morrer.... E esse “cara a cara” com a morte nos faz ficar tão frágeis,  Chegamos à conclusão de que não somos tão infalíveis assim...  A morte, pelo que me consta, é para todos... E aí que entra um pensamento... pra que tanta complicação se temos um PRESENTE chamado VIDA? Que, sim, é curto neste plano, se comparado com tantos sonhos, com tantos desejos, com tantos “tantos” que a gente deseja realizar... o que eu quero deixar aqui nesse plano? Me convenço que cada dia menos quero deixar “coisas”. Quero fixar raízes, mas de feitos, de sentimentos, de mudanças, de novos olhares... Se eu puder modificar algum olhar sobre a realidade, se eu puder arrancar um sorrisinho de um rosto fechado, E se eu morresse hoje? Sentiria, com toda a certeza, falta dessa vida porque a AMO demais, mas acho que partiria feliz... porque aonde eu passei deixei uma marca (na maioria das vezes!!) positiva! E se eu morresse hoje? Ah... com certeza não ia dar tempo de fazer inúmeras coisas que eu queria fazer... Eu não estou morta hoje...então, posso fazê-las!!! Estou BEM VIVA!!! O amanhã, talvez esteja reservado para um outro plano...não sei... e nem tem como sabê-lo. O que temos é o HOJE e é no hoje que precisamos nos focar. Hoje eu vou abraçar com toda a força e carinho o minha filha amada e dizer o quanto eu a amo. A vida me ensinou a não guardar mais os meus sentimentos, o  meu amor é infinito, aprendemos sempre algo diariamente, eu sou feliz.. Hoje eu vou agradecer a Deus por mais um dia, pela beleza do sol, pelo ar fresco que me permite respirar, pelo frio e por poder ter roupas para aquecer. Hoje eu vou dizer pros meus amigos que os amo demais . Hoje vou agradecer pela família maluca, “fora da casinha” e maravilhosa que eu tenho. Hoje eu vou ficar muito feliz porque venci mais um dia. Hoje eu vou deslanchar aquele projeto que é meu sonho de vida. Hoje eu vou ter fé. Hoje eu vou amar incondicionalmente. Hoje eu vou sorrir. Hoje eu vou agir. Hoje eu vou ser uma pessoa melhor...não amanhã... HOJE! Porque é HOJE que eu tenho! Amanhã... não sei...
Fiquem todos com Deus.
Ate amanha se Deus quiser.

A ALEGRIA HOJE FAMILIAR FOI CONTAGIANTE RSRS.

Acordei não com muito bom humor,tinha tido uma noite difícil,ainda estava com dor,mas ao ver o meu irmão chegar tão feliz,o meu coração não pode deixar de ficar alegre.
Depois chega meu outro irmão cantando forro,ai foi demais,ate a minha filha entrou no clima.
Começamos a perguntar o que tinha acontecido,porque esse alto astral repentino.
Ainda não sabemos o motivo,mas ai parece que o espirito da alegria entrou na nossa casa,rsrs e na casa deles,meus irmãos estão tão bem,o clima da casa está maravilhoso,como a alegria é contagiante,hoje eu vir como é bom sorrir,independente dos nossos problemas pessoas,devemos levar sempre a vida de uma forma leve,a minha saúde ainda não está totalmente normalizada dentro do possível,ainda estou lutando para que a minha pressão volte ao normal,mas  estou bem, a dor está sendo controlada com medicações analgésicas,tilenoy,profenid e quando fica mais forte tramal,e todos os anti-hipertensivos possíveis rsrs.
Como estou feliz, estou vendo com os meus olhos o milagre divino,o meu irmão estava em uma cama esperando a morte,agora esta arrumando as suas coisas e dizendo que vai viver rsrs.
A minha filha deixou a tristezas de lado e ultimamente esta pensando em que vai se formar,esta sorrindo muito mais vezes que antigamente.
Os meus sobrinhos estão uma fofura,uns amores de crianças.
Fora toda as minhas realizações pessoais.
Toda a minha família está bem.
Não vai se uma crise do feo ou o que seja que vai me deixar mal.
Estou realmente feliz,mesmo ainda sentindo alguns sintomas,mas que estão sendo controlados por medicações.
Estamos ate pensando em viajar novamente esse final de semana.
Tomará que eu acorde um pouco melhor fisicamente,pois emocionalmente estamos ótimas.
Deus faz isso nas nossas vidas,mesmo quando temos que passar pelas aprovações,ele nos da paz,e a alegria que vem não das circunstancias mais das suas realizações.

COMO O MEU IRMÃO ESTÁ HOJE.

Ótimo.
Amanheceu alegre,ontem já tinha observado uma melhora assustadora,fiquei imensamente feliz.
Hoje ele me deu um susto grande,saiu sozinho para comprar um cerveja rsrss.
Sair a procura dele,ninguém tinha visto ele,como o mercado foi capaz de despachar um cerveja a um pessoas no ser estado eu não entendo,mas em resumo quando eu cheguei em casa,ele já estava,bebendo um cerveja com canudo,fiquei sem palavras,a minha primeira vontade não nego foi sorrir,por alivio,o meu maior medo era ele desmaiar na rua,ele está visivelmente melhor,mas também é visível,o seu estado,com traqueostomia,sonda,totalmente magro.
O que eu falei ,nada,falei que se essa era a sua decisão, tudo bem,que ele iria morrer mais rápido,mas também eu não iria fazer nada contra,mas queria que ele não mais saísse sozinho,que eu iria com ele ate para comprar cerveja etc.
Mal cheguei na minha casa,somos vizinhos,chega  ele e me entrega a cerveja,eu desconfiava que ontem ele tinha usado o álcool,comprado sabe por quem,mas na situação dele ele tem o direito de decidir ,assim eu penso,ele não está usando remédio algum,esta com câncer muito avançado mais não sente dor, o que é incrível,pois os tumores tomou toda a garganta,abriu  para fora,etc,coisas que eu nunca imaginava que pudesse acontecer a alguém.
Agradeço a Deus as palavras que ele me instruiu a dizer,não o recriminei não o julguei, falei da importância da sua vida para a gente.
Depois disso ele continua bem,ainda um pouco animado,aprendi hoje mais uma lição,nunca é demais dizem as pessoas que precisam da gente que elas são importantes,e que não por pena que a gente está ajudando,mas por gostar delas.
Sei que a situação do meu irmão é difícil,mas continuo afirmando que para Deus não há o impossível.
Hoje ele ate ligou para mim uma musica religiosa,o tempo que eu fiquei o alimentando passou ate mais depressa,assim sera agora em diante,todas as vezes que eu for alimenta-lo vou colocar musica religiosa,e com certeza sera feito por Deus o melhor para ele.
A confiança em Deus não pode acabar nunca.
Não nego que por muito tempo esperava a sua morte,agora eu espero a sua cura ,ilusão? não, isso se chama fé.

PEQUENA ALTERAÇÃO NA CICATRIZ DO PORTCATH.

 Foi observado um pequena alteração na cicatriz do portacath.
A um pequena área aumentada.
Como pode ? no cicatriz fechada aparecer um foco de secreção  de pus?
Ate agora não tinha dado importância,mas dizem meus familiares que hoje está maior.
A minha filha falou ate que o  portcath esta parecendo inchado  rsrsrs.
Eu procuro pensar sempre no melhor,não sou relapsa,mas também não  vou ficar me preocupando a toa.
Eu sempre fui assim,cansei de me preocupar com suspeita diagnostica,adianta o que ,nada,quando eu m descobrir o feocromocitoma foi ate um alivio,sabia que tinha algo errado comigo,saber o que era,foi para mim foi ate motivo de alivio,sentir tantos sintomas,sofrer sem saber o que era,foi horrível,depois disso com todo o meu amadurecimento foi aprendendo a viver intensamente o meu presente,aceitando os momentos bons e ruins como parte da vida,foi ruim o dia,esqueça,foi bom guarde na memoria,mas lembre-se o mais importante não foi o ontem,nem é  o amanha,é o hoje,o seu presente e como você está vivendo hoje que  é importante.
Mais um fez resolvi incomodar Dr.Aquiles.
Ele é um medico tão prestativo,tão educado,que resolvi tirar algumas duvidas com ele.
Todo o dia eu me prometo não mais incomoda-lo,mas a curiosidade foi mais forte,no exame com certeza por um motivo que eu não sei estavam evitando usar o portcath,não acho logica nenhuma em tentar puncionar uma veia periférica para poupar o portcath,nem não usar porque o proprofor prejudica o portcath, não da para entender,so Dr,aquiles pode me da alguma informação sobre isso,deixei a vergonha de lado,e resolvi tirar as duvidas com ele.
Principalmente se é normal a alteração na cicatriz do portacath.

BOM DIA AOS MEUS AMIGOS VIRTUAIS E A TODOS QUE ENTRAM NESTE BLOG.

Que seu dia, seja na paz de Jesus e que ao terminar o dia de hoje, seu coração esteja transbordando serenidade!!! Um Beijo no seu coração.
 Que seja uma manha iluminada.
 Uma tarde alegre.
 E uma noite abençoada.
 E que ao terminar o dia você possa dizer obrigado senhor poe este dia maravilhoso.
 Meus desejo a todos vocês e que sinta o amor de Deus em cada um de vocês.esses são os meus votos de amor,paz,saúde,prosperidade a cada um de vocês.
UM ÓTIMO FINAL DE SEMANA.

ACORDEI UM POUCO MELHOR,MAIS AINDA COM DOR.

Mas agora eu sei que estou pior porque fiquei no período menstrual,pois isso ontem estava tão ruim,doía  tudo,a cabeça,as costas,a parte pélvica,e ate a perna direita.
Pensei que era tudo do feo,rsrs,nem tudo é dele ,pelo menos isso.
Ainda mantenho a pressão alta,e o mal está,mas na fé tudo vai passar,já passei coisas piores,então ainda tenho que agradecer,sempre devemos  procurar ver mais as coisas boas ,do que as ruins,se hoje não possa fazer as coisas que iria fazer,paciência,vou procurar fazer o que for possível,e assim por diante,viverei o dia de hoje da melhor maneira possível, Fácil não é, logico que não, sentir dor nunca é fácil, mas com a paz e muito mais suportável .A oração ajuda sempre,acho que nem estaria viva se não fosse a oração diária,a paz que eu sinto no amor de Deus. Estou viva e só morrerei no dia que ele determinar, é por isso que a morte nunca me assustou,porque a minha vida não esta nas minhas mãos e pior nas mãos dos médicos,está sim na mão do meu pai amado Deus,Jesus Cristo.
Mas com certeza devemos fazer a nossa parte para conservar a vida .fazermos a nossa parte e o resto entregando a Deus,é assim que eu faço.

O QUE EU PEÇO A DEUS,

quinta-feira, 27 de junho de 2013

DOR EM VÁRIOS LUGARES AO MESMO TEMPO.

 É só Deus entrando com providencia divina.

MENSAGEM PARA VOCÊ QUE ENTROU NESTE BLOG.

DAI-ME FORCA SENHOR-AINDA PRECISO LEVAR O MEU IRMÃO PARA O HOSPITAL.

Quando cheguei  de viagem  o encontrei pior, hoje ate que ele  está aparentemente melhor, ate agora não tive condições de da a ele o alimento pela sonda,pois era necessário que eu levanta-se,mas agora vou tentar alimenta-lo e leva-lo ao hospital,pois estou pretendendo viajar novamente,pensamento positivo,vai passar,só foi o estresse,amanha vou acordar fora de crise ,e bem,assim que eu vou ficar mentalizando,Deus vai nós ajudar rsrs.

UM SIMPLES EXAME ME COLOCOU EM CRISE.

 Se eu sobe-se nem teria realizado o exame.O que provocou a crise?  o frio agrava o meu quadro,mas sera que foi isso?  ou o estresse que ocorreu no hospital?  o uso da sedação ?ou o próprio exame pode ter estimulado o  feo? ou o jejum? infelizmente eu não tenho resposta , o que foi que estimulou o feo, so a certeza que foi no procedimento que  eu entrei em crise,por enquanto ainda está suportável,mas estou com pressão alta ,dor de cabeça e desconforto no peito,dor nas costas e enjoou.
Só espero que seja uma coisa rápida,sem maiores sofrimentos.
Eu seguir a orientação medica,sei que era necessário a realização do exame,por isso eu fiz.
Estava tão bem,a minha pressão totalmente controlada,estava viajando,mas a dor permanecia,estava mas controlada também estava em analgesia de horário,ontem eu suspendi para ver como estava a dor,e hoje retornei o uso de tilenoy,não sei o motivo da dor,a  unica coisa que eu sei é que eu estou sentindo dor,e também que eu não vou investigar a causa dela,enquanto ela for suportável,vou aguenta-la e continuar vivendo a minha vida,porque se ela for do feo,ninguém vai chegar a diagnostico nenhum,e os exames só vão me colocar mais vezes em crise,vou da um tempo e ver o que vai acontecer,se for algo grave,logo é descoberto,assim eu espero.
Estava ate pensando em fazer uma endoscopia,mas a experiencia de ontem me fez desistir.
Vou ficar na minha ,e continuar vivendo,com sintomas, mas ficar na minha casa já uma benção.Foto: "Contemplando a vida do alto, reconhece-se a bondade e justiça divinas. 
Algumas de nossas existências fluem para o reajuste dos débitos contraídos com o próximo; são marcadas pela superação na convivência com alguns de nossos irmãos que, inconscientemente, clamam pela restauração da paz que destruímos no passado. 
Outras tantas ocorrem para a provação de nossas virtudes, que necessitam ser lapidadas para que façam parte de nossa alma; nessas, predominam as experiências que se repetem e que exigem mudança de atitude frente à problemática. 
Mas em todas as vidas, a nossa força de VONTADE é colocada em prova, para que com exemplos e com a experiência, com a convivência e com as expiações, consigamos aprimorá-la para que um dia, finalmente, "sejamos deuses" e possamos "fazer tudo e ainda mais" que o nosso Cristo disse e exemplificou. 
No desenvolvimento de nossa vontade, nos livraremos dos vícios físicos e morais, ampliaremos nossas percepções do mundo visível e invisível ao nosso redor e passaremos a compreender a vida de outra forma, trazendo a nós o Céu tão desejado. 
"Ajuda-te e o Céu de ajudará"! 
Abramos os olhos, levantemos, estampemos um sorriso no rosto e arregacemos as mangas, pois a vida flui independente de nossa vontade. 
Para que insistir em ficar à margem dela, se podemos caminhar junto aos demais?"

por Alexandre de Sene Pinto

CUIDADOS QUE EU VOU TER COM O PORTCATH.

Infelizmente por obra do destino,nem todo mundo sabe lidar com uma coisa aparentemente simples o portcarth, antes que aconteça uma coisa pior, hoje eu resolvi  pesquisar na internet.
Primeiro descobrir que quando eu tive alta,o enfermeiro que ate estava ensinando a outro,precisa ele próprio aprender,pois não teve os cuidados devidos.
Não fez a assepsia correta.
E o pior não usou a heparina [o que foi questionado ontem no hospital São Rafael,o porque? a resposta é infelizmente incompetência  do enfermeiro.
AGORA EU SEI COMO É A FORMA CORRETA,E LOGICO EU VOU ZELAR PELA MINHA SAÚDE,É CLARO.
TECNICA PARA DESATIVACAO DO PORT-A-CATH

OBJETIVO
 Uniformizar o procedimento de modo a se realizar uma punção correta e em condições assépticas e segura para o paciente.

Responsavel: Enfermeiro (a) supervisor (a)

Execucao: Enfermeiro (a) habilitado (a) exclusivamente

Material:

01 – Mascara e um gorro;
01 – Seringa descartável de 20 ml;
01 – Seringa descartável de 10 ml;
01 – Pacote de gaze;
01 – Agulha 25 x 07;
03 – Ampolas de cloreto de sódio 0,9% 10 ml;
01 – Par de luvas de estéril;
01 – Frasco de heparina 5.000 UI/ ml
01 – Almotolia de solução antisséptica de clorexidina alcoólica 0,5% e álcool 70% ou álcool gel;

TÉCNICA

1 - Lavar as mãos com sabão e usar Álcool 70% como emoliente (álcool gel) ou higienizar as mãos com solução de clorexidina degenerante a 4%;
2 – Reunir o material.
3 – Orientar o paciente sobre o procedimento e expor a area a ser utilizada assegurando que o paciente esteja confortável, em DDH (decubito dorsal horizontal);
4 – Delimitar o reservatório através da palpação e avaliar as condições da pele quanto a presença de hiperemia, hematoma e ferimentos;
5 - Lavar as maos com sabao e usar alcool 70% como emoliente (alcool gel) ou higienizar as maos com solucao de clorexidina degermante a 4%;
6 – Paramentar-se com mascara, gorro e calcar luvas de procedimento;
7 – Retirar o curativo oclusivo do local de punção e a gaze protetora da conexão da agulha de HUBBER com equipo;
8 – Desprezar as luvas de procedimentos e calcar as luvas estereis;
9 – Encher a seringa de 20 ml com NaCl a 0,9%;
10 – Encher a seringa de 10 ml com agua destilada e 1 ml de heparina sodica.;
11 – Realizar a instilação de 20 ml de solução fisiológica a 0,9% em “flush” para “lavar” todo o circuito do cateter sem desadaptar a seringa da agulha que esta inserida;
12 – Em seguida fazer a instilação da solução de heparina (04 ml para crianças e 06 ml para adultos);
13 -Retirar a Agulha de RUBBER, fixando o reservatório com o polegar e o indicador da mão não dominante;
14 – Realizar a desinfecção e hemostasia com gaze embebida em clorexidina alcoolica a 0,5%;
15 – Fazer o curativo estéril oclusivo e compressivo no local da retirada da agulha e orientar o paciente a mante-lo por 06 horas.
ORIENTAÇÃO DE DO MEDICO QUE FEZ O PROCEDIMENTO FOI;
O Portcath deve ser lavado e heparinizado (solução heparinizada), por profissional especializado, toda vez que utilizado. Mesmo quando não utilizado, é recomendável lavar e heparinizar  de 3/3 meses ou conforme o protocolo do Serviço.
O que não foi feito nem na primeira utilização dele,pois o enfermeiro não utilizou a solução heparinizada.
É por isso que eu costumo dizer a vida é nossa,nós temos que ser o primeiro a  preserva-la,lutar por ela,e ficar de olho em tudo que envolva a nossa vida.





A DOR PERMANECE.

Exame cardiológico normal.
Agora também estou com a pressão alta,a dor pode ser disso.
Esta neste momento mais forte nas costas.
Sera do feocromocitoma?
Sera coluna?
O que sera que está acontecendo?

ECOCARDIOGRAMA TRANS ESOFÁGICO-RESULTADO.

Cavidades cardíacas normais.
Septos -integro.
Válvulas-morfodinamicamente normal.
Função ventricular preservada.
Aorta-dimensão normal.
Artéria pulmonar-normal.
Pericárdio;sem derrame ou espessamentos.
CONCLUSÃO-
Ecocardiograma dentro da normalidade.
Ausência de vegetações ou trombos intracavitários.
Cateter venoso em veia cava superior.

RELATO DE COMO FOI O MEU EXAME-HOSPITAL SÃO RAFAEL.

Primeiro eu tinha feito uma avaliação com um anestesista, o qual eu ate me sentir segura, infelizmente eu sabia que não seria ele quem estaria no meu procedimento. Ele escreveu na ficha- a paciente relata acesso difícil, não puncionar. Usar o portcath, o que não aconteceu.
A anestesista foi Dra.Paula,um medica educada e sociável. Ela resolveu fazer uma tentativa periférica, logico falei da dificuldade do acesso venoso, ela falou que tentaria não usar o portcarth, alegando que deveria poupar ele para outros casos.
Como ela não teve exito na primeira tentativa,ela desistiu.
Depois a enfermeira que estava presente no momento falou que a  muito tempo eu não puncionava um portcath, começaram a conversar sobre isso. (a anestesista falou acho que aspira primeiro,ela respondeu vou ligar para oncologia).
Começaram a preparar o material, no local não tinha a agulha para puncionar o portcath, mandaram buscar..
Com medo logico depois  do que a própria enfermeira falou que ela puncionasse o portcath, e o danificasse, falei que a anestesista podia fazer outras tentativas, enquanto fosse providenciado a tal agulha, ela tentou mais ou menos cinco vezes e não conseguiu, a enfermeira puncionou o portcath,o aspirou e não veio  nada, essa mandou ligar para a enfermeira da oncologia, que mandou dizer que não poderia vim, ai ela mandou que viesse outra, que chegou, olhou e falou que era normal não vim, e que o portcath estava bom, enquanto isso a anestesista ligou para o seu chefe( assim eu entendi) o outro anestesista chegou. Foi visível perceber que a experiencia dele era muita, até na forma de tentar pulsionar o acesso não doeu, mas também não teve exito. Eu não aguentando ficar mais calada falei que o portcath  estava ok.  A anestesista Dra.Paula falou que o sedativo propofor prejudicava o portacath. ( Achei estranho,muito estranho). Finalmente resolveram usar o portcath,começaram a motorização e logico a minha pressão estava alta. Começaram a sedação,e o procedimento. Não sentir nada durante o exame, pelo menos isso. Quando acordei estava louca de dor de cabeça. A anestesista Dra,Paula sugeriu fazer uma acupuntura, recusei logico, sabia que a minha cefaleia não iria responder a acupuntura, já tinha feito acupuntura sem obter exito na dor,o que eu menos precisava neste momento era sentir ainda mais agulhas. O cardiologista mandou retirar a agulha do portcath e me mandar para o repouso. O qual eu fiquei motorizada tendo vários picos hipertensivos, a pressão máxima verificada foi 220 por 120, começaram  a sugerir me encaminhar para a emergência, com o consentimento do medico comecei a usar as minhas medicações: Tilenoy, Atensina, Diovan, Dramin.  Ele pediu para adiantar o carvedilol que estava para a  noite. Quando percebi que  a dor de cabeça não estava passando usei por conta própria o  tramal de 50 mg, mas um profenid,o que eu mais queria era ir para casa, a dor de cabeça foi aliviando aos poucos e quando a pressão baixou um pouco ele finalmente me liberou.
Sai do hospital ainda  não me sentindo muito bem,mas aliviada por está saindo.
RESUMO DO QUE EU ACHEI.
Quando a minha filha marcou o exame, já foi comunicado que não tinha acesso periférico, que tinha um portcath.
O anestesista que fez a minha primeira avaliação deixou bem claro na ficha que  não era para puncionar acesso, que era para usar o portcath.
Não ter material [agulha para puncionar o portcath?  Já não sabiam que teriam uma paciente em uso de um portacath?
Faltar ate uma luva esterilizada, e mais uma vez ficar esperando que buscasse em outro lugar.
Depois ainda não tinha a heparina para o portcath, que também foi buscada em outro setor
Não foi um exame de emergência, foi um exame marcado com antecedência.
Quando eu passei mal depois do exame, eles queriam me mandar para a emergência, o meu primeiro pensamento foi : Estou novamente sem acesso, porque o medico mandou que o retirasse assim que  acabou o procedimento, passar por tudo isso novamente ,já estava preparada para assinar qualquer termo,eu não ficaria no hospital.
Entrei no exame 12;45 e quando sai era 17;50.
COMO PODERIA TER SIDO O MEU EXAME.
Ter feito o que estava na ficha na minha primeira avaliação com o anestesista. A avaliação é feita para isso não é?
Usado deste o começo o portcath.
É ter uma enfermeira pronta para usa-lo.
Ter logico todo o material necessário para usar o portcath.
É o exame teria sido tudo absolutamente tranquilho.
O que ocorreu foi que houve estresse,com isso o feo foi estimulado a ate agora quem está sofrendo as consequências sou eu,que estava com a pressão  controlada,e agora voltei a tentar controlar ela novamente.
O ATENDIMENTO DOS MÉDICOS.
Foram todos atenciosos.
O ATENDIMENTO DO SERVIÇO DE ENFERMAGEM.
Fizeram o que estavam ao seu alcance.
O  QUE FALTOU.
Organização.
O que eu aprendi.
Que eu me sinto totalmente segura na fundação baiana de cardiologia.
Que a minha filha não teria passado tanta angustia durante 4 horas sem noticias minhas.
Ela me falou que a atendente foi ate ignorante ao ela buscar informações.
Agora é esquecer.
O exame deu normal, pelo menos isso.







quarta-feira, 26 de junho de 2013

AMANHA EU RELATO COMO FOI O EXAME.

BOM DIA PARA TODOS.

Que hoje seja um dia de muitas realizações,de muita paz,e de muito amor, com muita saúde,um ótimo dia para todos.

FAMÍLIA-É ALGO VALIOSO SIM.

FAMÍLIA.
 Palavra que todos nós conhecemos, nenhuma família é igual, mas também posso afirmar que todos nós temos uma família, temos que ter  resignação , praticar o perdão quantas vezes forem necessário,só temos a ganhar quando lidamos com os nossos familiares de uma forma saudável , aceitado que cada um tem sua maneira de ser,  lidando com tudo como um aprendizado .Ao longo de nossos caminhos, vamos nos agregando, nos acostumando  com cores diversas; oras alegres, brilhantes; ora tristes, escuras. Assim se define uma família na minha opinião ,são pessoas que são colocadas juntas para evoluir espiritualmente,
 Temos uma família atualmente  pequena, nela se pode contar desde membros infantis, pré-adolescentes e adolescentes, jovens, adultos , como: muito barulho, discussões sem motivos aparentes algum, conversas paralelas mil ao mesmo tempo.
 Óbvio que nenhum ente querido, por mais distante que possa estar, ninguém quer ou aceita a perda de uma pessoa querida, a dor de uma tragédia ou a causada por algum tipo de infortúnio familiar, que seja por algum acidente, uma fatalidade, ou mesmo ainda uma enfermidade que pega a todos no geral de surpresa, e inconformados, revoltados e ainda que essa dor jamais devia ter sido buscada ou provocada, ou mesmo involuntariamente desejada , fica claro que todo sofrimento nada mais é que uma forma de reflexão, de aprendizado, tentar fazer parte da integridade da nossa vida no universo, para que assim possamos ser usados pelo Espírito Santo de Deus, a fim de transformar em nós, conteúdos espirituais indispensáveis ä nossa evolução enquanto seres humanos. Para muitas pessoas a dor sempre é maligna. Mas não o é. Ela pode ser um agente de transformação terapêutica gerando reflexão , quebrantamento ou mesmo o discernimento dos reais valores da vida. Analisem, para se tratar uma parte do corpo, possa ser que requeira ser tratada como um todo, pois toda causa gera um efeito em cadeia, se a energia desse eixo é reto e equivalente nas três dimensões. O que quero dizer é, muitas vezes, nosso espírito se encontra mais enfermo que nosso próprio corpo, e este tenha que vir a padecer , pois pode ocorrer de não estarem os dois alinhados entre si. Muitas vezes, a enfermidade nos chega em momentos em que nosso corpo, mente e espírito apenas se tocam, mas não se ligam de uma a outra de modo harmônico, pois muitas vezes há zonas inteiras de desencontros das partes. Mas, voltando lá atrás, enquanto família, movidos pelo amor, enquanto dor emocional; nossa tendência é lutar, proteger, consolar e negar. Nossa família não é clichê e isso é verdade, ela é nossa base, nosso porto seguro, nosso tudo. Então como podemos nos conformar com tal enfermidade, com tal dor? Essa forma terapêutica de ver a dor apenas nos dá uma ideia de visualização do sofrimento terapêutico, mas isenta a intelectualidade em suas respostas a problemática de tanta enfermidade e suas dores, ainda porque o sofrimento é complexo demais para ser assim tão simplificado . Ele só nos tenta auxiliar a tratar nossa dor nem como desgraça, nem como virtude; mas apenas como possibilidades de crescimento e aprendizado da sua própria humanidade racional, independente dos seus. Enquanto família só posso reiterar que tenho a melhor filha do mundo, que me paparica, que me protege, que se preocupa (demais até), que cuida e tem zelo por mim tal qual eu sou para ela,uma pela outra.
Todos sabem quem  são os meus maiores amores,mas isso não quer dizer que eu não amo a todos,a cada um dos meus familiares eu tenho um sentimento de uma intensidade diferente,mas a todos eu quero ver com muita saúde e paz,não me é indiferente o sofrimento de nenhum dos meus familiares.
Porque esse assunto agora,porque ontem apos chegar de viagem eu me decepcionei com o meu irmão que estava tomando conta do meu outro irmão doente com câncer,passei só um dia fora,e a piora dele foi acentuada,no primeiro momento agir pela emoção,mas hoje estou pela razão,,não posso julgar ninguém,cada um de nós vamos prestar conta a Deus de todas as nossas atitudes.Vou continuar  fazendo a minha parte da melhor maneira possível, e não olhar para atitude de ninguém.só com amor podemos mostrar o bom exemplo,não adianta se deixar levar por nenhum aborrecimento,não nós leva a nada,também no caso do meu irmão doente ,eu preciso ter a minha vida paralela preservada,ter lazer ,manter a minha rotina,mas logico reservando um tempo para ajuda-lo no que for preciso. Família para mim é uma base muito importante, não quero dizer família perfeita,mais sim a família que Deus nós deu.
Todos nós devemos viver de modo harmonioso com todos os nossos familiares.
Que Deus possa sempre está presente em cada lar,dando a paz,a saúde  necessária para vivermos felizes.

terça-feira, 25 de junho de 2013

PARA TODAS AS PESSOAS.

VOLTAMOS POR CAUSA DO MEU EXAME DA AMANHÁ.

 Amanhá realizarei o exame e espero saber a causa da dor no peito, ontem foi um dia maravilhoso,também por está viajando usei analgesia de horário sistemático,sentir um pouco de dor a noite,mas com medicação  logo passou,também com tanto amor,a dor ate aliviou, rsrs,falando serio ,a viajem foi ótima,e também me descansou,estava precisando de uma folga,principalmente mentalmente,foi um lazer.

FOTOS DA MINHA FAMÍLIA NA VIAGEM.



A  PRIMEIRA FOTO É DA MINHA IRMA MARCIA. A SEGUNDA DA MINHA SOBRINHA MICHELLE, E A TERCEIRA DA MINHA IRMÁ MIRIAM.E OS BEBES SÃO  GUI ,LUCAS E PEU.

FOTOS DE AREMBEPE-SALVADOR-BAHIA

 




Viajamos para perto fomos para arembepe,a viagem de carro durou mais ou menos 40 minutos, Gui foi ate brincando,falando a palavra acordei e dando muita risada,Peu foi dormindo,e Lu foi quieto, chegamos na paz de Deus, Santy também gostou da viajem,espero no próximo ano está aqui se for da vontade de Deus ,e aproveitamos bastante.

FOTOS DOS MEUS 4 AMORES NA VIAGEM.



Fotos de meus maiores amores. Da minha filha amada Santy,de Peu,e dos gêmeos Gui e Lu, a viagem foi maravilhosa,sentir como o amor prevalece acima de tudo, voltei porque era necessário,a minha vontade era a mesma deles,ficar durante muitos dias rsrs.

FOTOS DEPOIS DE 45 DIAS DO POTOCATH.



A estética do portcath foi satisfatória, o medico é excelente,Dr,Aguiles tadash é um bom medico,e um ótimo ser humano, deste o começo eu falei que se algo acontecesse  eu sabia que estaria em ótimas mãos. Só tenho que agradecer, a colocação do portcath foi indicada e realizada por um ótimo profissional.

domingo, 23 de junho de 2013

ENTRE A PRUDENCIA E A VONTADE.

 A prudencia me diz,vai devagar, não passe do seu limite,com essa dor tem que ter cuidado.
A vontade me diz,não ligue ,dance,curta,viagem,porque não?no minimo  se divirta rsrs, o alto astral é bom  para qualquer dor rsrs.
Falando serio,depois que eu descobrir o motivo desse desconforto vou ficar mais aliviada,enquanto isso eu vou respeitar a dor,isso não quer dizer em forma nenhuma que ficarei deitada,vou curtir sim ,ate a dor permitir,quando ficar insuportável,ela vence,enquanto for leve eu vou tentando aproveitar os momentos bons,assim é a vida,não posso dizer que eu estou sem sintomas,mas da para suportar ,é isso agora é para mim o esperado,só peço que eu consiga curtir bem o dia rsrs.
Acabo de resolver vou viajar. amanha,já fui rsrsrs.

FEOCROMOCITOMA-INFORMAÇÕES EM MODO GERAL.

Feocromocitoma é um distúrbio endócrino que podem ser benignos bem como malignos e pode mesmo causar a morte se não for tratada. Saiba tudo sobre esta neoplasia incomum, incluindo suas possíveis causas, sintomas, diagnóstico e opções de tratamento.

O que é Feocromocitoma?

Os médicos e os investigadores médicos definir feocromocitoma como um tipo raro de tumor que se desenvolve em uma das glândulas supra-renais presentes no corpo. É segrega quantidades excessivas de duas hormonas norepinefrina e epinefrina que o controlo da pressão arterial taxa de metabolismo, e coração. Isto leva ao desenvolvimento de diversos problemas de saúde nos pacientes.

Sinônimos feocromocitoma

A condição também é conhecido por outros nomes como:

Imagem 1-Feocromocitoma
Paraganglionoma 
Tumores cromafins

Feocromocitoma CID 9 Código

O CID 9 código para esse crescimento anormal é 227,0.

Incidência feocromocitoma

Como dito anteriormente, este é um tipo raro de tumor. Ela surge em apenas 0,05-0,2% de todos os pacientes hipertensos. Isso geralmente é um crescimento não canceroso que se desenvolve dentro do núcleo de uma glândula adrenal.
A condição pode ocorrer em qualquer idade. No entanto, surge mais comumente em pessoas de meia idade.

Sintomas feocromocitoma

Os sinais habituais e sintomas desta doença são:
Dor no peito 
Dor abdominal 
Taquicardia 
Nervosismo 
Palidez 
Suando 
Irritabilidade 
Taxa mais rápida do coração 
Dor de cabeça aguda 
perda de peso
Algumas pessoas também sofrem de outros sintomas associados, tais como dificuldades de sono, pressão arterial elevada e tremores nas mãos. Sintomas tais resultado da produção excessiva de compostos químicos. A intensidade dos problemas depende se os compostos estão a ser libertados continuamente ou em ciclos curtos. A secreção das hormonas esporádica epinefrina e norepinefrina também podem levar à ocorrência de alguns sintomas outras de vez em quando.

Causas feocromocitoma

Os pesquisadores ainda estão no escuro sobre a causa exata pela qual algumas células da glândula adrenal se transformar em um tumor. No entanto, eles são a certeza de que os tumores se desenvolvem em células especiais conhecidas como células cromafins.
Cada corpo humano é composto por duas glândulas supra-renais, localizadas acima ou cada rim. As glândulas supra-renais, situadas sobre os rins, a noradrenalina produzir hormonas e adrenalina, bem como os compostos químicos conhecidos como catecolaminas. A liberação desses hormônios é geralmente desencadeada por estresse físico e emocional. Esses hormônios são necessários pelo organismo para manter a pressão arterial e ajudar as pessoas a lidar com situações que provocam estresse para eles. As hormonas de fornecer quase todos os órgãos e tecidos do corpo com as instruções vitais.
Em pessoas com feocromocitoma, estas glândulas tendem a produzir esses hormônios em quantidades elevadas. Isso eleva a freqüência cardíaca e pressão arterial em doentes.

Diagnóstico feocromocitoma

Apesar de 90% dos casos desta doença são benignos, feocromocitoma pode se tornar uma ameaça à vida de seus pacientes se não diagnosticada e tratada. Seu diagnóstico geralmente começa com um exame da condição física dos doentes. Isto pode ser seguido por um ou mais testes médicos, como:
Tomografia computadorizada abdominal 
MIBG cintilografia 
Catecolaminas exame de sangue 
Teste de glicose 
Ressonância magnética do abdômen 
Exame de sangue Metanefrina 
Biópsia adrenal 
Catecolaminas na urina
Os testes de sangue e urina ajudar a detectar qualquer aumento nos níveis de hormonas da adrenalina e noradrenalina e os produtos formados devido à sua decomposição. Pode necessitar de recolha de amostras de urina durante um período de 24 horas para o teste. Se os testes sugerem a presença de um feocromocitoma, determinando a localização da neoplasia é o passo seguinte para os médicos.
Exames de imagem são também eficazes para a determinação da presença, se estes crescimentos. Na maioria dos casos, um abdominal CT scan pode ajudar a diagnosticar o tumor. No entanto, os médicos podem também considerar que é essencial para verificar outras regiões do corpo, como o peito, pelve e pescoço. Técnicas de exploração, tais como metaiodobenzilguanidina, Positron Emission Tomography e ressonância magnética também pode ser eficaz na detecção de uma neoplasia Feocromocitoma.
Tumores mais pequenos na glândula adrenal não são crescimentos feocromocitoma. Estes só necessitar de observação e não qualquer tratamento. No entanto, uma pequena percentagem de tumores supra-renais são, na verdade, verificou-se que os tumores Feocromocitoma mesmo na ausência de todos os sinais e sintomas.

Teste de feocromocitoma e Genética

Em alguns casos, a condição pode surgir devido a mutações genéticas. Os médicos podem sugerir o uso de testes genéticos em tais indivíduos. A necessidade de testes genéticos, e do tipo de é que tem de ser realizada depende da localização do tumor e problemas médicos associados. Você deve procurar aconselhamento genético se você tem um histórico familiar deste tumor, ou qualquer doença que está associada a ele. Aconselhamento vai ajudar você a entender se você precisar de testes genéticos.

Diagnóstico Diferencial feocromocitoma

O diagnóstico diferencial de feocromocitoma inclui dizer seus sintomas com excepção dos de outros distúrbios, tais como:
Os transtornos de ansiedade 
Hipertensão essencial 
Carcinóide 
Paragangliomas 
Taquicardia paroxística supraventricular 
Insulinoma 
O envenenamento por mercúrio 
Hipertireoidismo 
Hipertensão renovascular

Tratamento feocromocitoma

O tratamento da neoplasia envolve a remoção cirúrgica. Esta é geralmente realizada após a estabilização do pulso e pressão arterial de pacientes com o auxílio de medicamentos. Os pacientes podem precisar de ficar no hospital para que os médicos monitorar os sinais vitais de perto. É essencial para monitorar todos os sinais vitais dos pacientes de forma contínua em um ambiente da UTI. Nos casos em que a cirurgia não consegue remover o tumor, é necessária a utilização de medicamentos para controlá-lo. Uma combinação de fármacos em geral precisa de ser administrado a doentes para manter os efeitos do excesso de produção de hormonas na verificação.
A quimioterapia ea radioterapia não foram encontrados para ser eficaz no tratamento deste tipo de neoplasma.
Médicos são propensos a usar medicamentos, se a pressão arterial não pode ser reduzida em pacientes, ou se eles não podem ser tratados cirurgicamente.

Feocromocitoma e Medicamentos

As drogas que são vulgarmente utilizados para o tratamento destes tumores incluem:

Bloqueadores alfa

Também conhecida como alfa-adrenérgicos ou antagonistas alfa-adrenérgicos, estes medicamentos acalmar alguns músculos que ajudam a pequena capilares sanguíneos para permanecer aberto. Estes impedem a Noradrenalina hormonal de estimular os músculos localizados nas paredes das veias e artérias menores. Esta estimulação conduz à constrição das paredes do vaso. Bloqueio esse efeito ajudar os navios permanecem relaxados e abertos. Isto reduz a pressão arterial e também melhora o fluxo de sangue em doentes.
Doxazosina, Terazosin, prazosina e fenoxibenzamina são alguns bloqueadores alfa que são frequentemente utilizados para o tratamento deste tumor. Ganho de peso, dor de cabeça, náuseas e forte batimento cardíaco são alguns efeitos colaterais que surgem devido a um consumo dessas drogas.

Beta-bloqueadores

Estas drogas prevenir os efeitos negativos da hormona de norepinefrina e fazer o coração bater mais lentamente e com menos intensidade. Ele reduz os impulsos nervosos que viajam através do coração. O coração necessita de menos sangue e oxigênio, devido a que não bombeia com muita força. Estes medicamentos manter os vasos sanguíneos distendido pela redução da libertação da enzima da renina a partir de rins de doentes.
Estes medicamentos são também conhecidos como bloqueador beta-adrenérgico agents.Atenolol, propranolol e Metoprolol são alguns dos beta-bloqueadores que são normalmente usados para a cura deste tumor. Estes podem dar origem a vários efeitos colaterais, que podem incluir dor de cabeça, tonturas, fadiga, dores de estômago e.

Bloqueadores dos canais de cálcio

Estes impedem a entrada de cálcio para o coração e as paredes dos vasos sanguíneos. Deste modo, estes medicamentos reduzem a pressão sanguínea e ajudar alargar e relaxar os vasos sanguíneos presentes nas artérias. Nicardipina, amlodipina e diltiazem são alguns destes medicamentos. Dor de cabeça, sonolência, prisão de ventre, e batimentos cardíacos acelerados são alguns dos efeitos colaterais mais comuns que surgem devido a um consumo destas drogas, também conhecidos como antagonistas do cálcio.

Metirosina

Esta droga reduz a pressão sanguínea, limitando a produção de catecolaminas no corpo. O medicamento pode ser administrado quando outras drogas não conseguiram melhorar a condição. A ansiedade, a depressão, diarreia e sonolência são alguns dos efeitos secundários que surgem devido à utilização dessas drogas.
Em doentes com feocromocitoma, bloqueadores alfa são utilizados pela primeira vez para restabelecer a normalidade da pressão arterial. Uma vez que a pressão arterial cai, o ritmo cardíaco irregular ou rápido pode ser controlada com beta-bloqueadores. Um destes medicamentos pode ser usada para fazer os pacientes fisicamente pronto para esta doença.

Feocromocitoma e Cirurgia

O tumor é geralmente tratada através da remoção de uma glândula adrenal inteira que foi afetado devido à condição. Na maioria dos casos, a cura operatório é eficaz no alívio dos sintomas discomforting da neoplasia. A pressão arterial geralmente retorna ao normal após a remoção do dispositivo de glândulas. Antes da cirurgia, os medicamentos são administrados por obstruir os efeitos prejudiciais das hormonas adrenais e por regulação da pressão arterial. No caso de os tumores se desenvolvem em ambas as glândulas supra-renais e ambas as glândulas são removidos cirurgicamente, os doentes podem precisar de tomar medicamentos por substituição das outras hormonas adrenais.
Os médicos podem considerar a cirurgia laparoscópica como uma opção de curativo sobre a base da localização e do tamanho do neoplasma. Esta cirurgia envolve a inserção de instrumentos, tais como um laparoscópio, através de várias pequenas incisões. O processo requer uma incisão menor do que a cirurgia convencional e também resulta em uma recuperação mais rápida. A cirurgia laparoscópica está sendo usado mais amplamente para o tratamento de feocromocitoma. No entanto, ela não é adequada para todos. No caso de você está sofrendo com este tumor, você deve discutir com seu médico se essa técnica operatória é adequado para você.
Em alguns casos, o tratamento cirúrgico pode não ser possível devido à forma de crescimento do neoplasma ou a sua dispersão para outras áreas do corpo. Em pessoas com malignos casos desse tumor, o tratamento não pode ser restrita apenas para drogas e cirurgia. Também pode envolver quimioterapia, radioterapia ou ablação das artérias que fornecem sangue para o tumor.

Prognóstico feocromocitoma

Cerca de 95% dos pacientes com tumores benignos foram encontrados para viver até cinco anos após a sua remoção cirúrgica. A taxa de sobrevivência de 5 anos é inferior a 50% após a cirurgia, nos casos malignos. Com abordagem curativa padrão, a pressão alta pode ser controlada em doentes. Na sequência de uma operação bem sucedida, o nível de hormonas adrenalina e noradrenalina retorna à normalidade.

Complicações feocromocitoma

Se não for tratado com o tempo, apesar de esses tumores pode dar origem a complicações graves. Em alguns casos, os problemas podem ser potencialmente fatais. Pressão arterial muito alta pode resultar em ritmo cardíaco anormal ou acidente vascular cerebral, que pode ser fatal para os doentes. Qualquer leitura que é maior do que 180/110 milímetros de mercúrio é considerada como pressão sanguínea elevada.
A pressão arterial elevada, ocorrendo, devido à condição, pode também causar danos severos a muitos dos órgãos vitais do paciente, exercendo uma força excessiva sobre as paredes da artéria. Quanto mais a pressão arterial, e maior a duração durante a qual ela não for controlada, maior o risco de danos é.
A exposição prolongada ao excesso de hormonas adrenais também podem causar outros problemas, tais como:
A insuficiência cardíaca congestiva 
Maior suscetibilidade ao diabetes 
Danos aos músculos cardíacos
Em 25% dos pacientes, pode não ser possível curar a pressão arterial alta, após a operação. O tumor é encontrado para ocorrer em cerca de 10% dos casos da doença. Problemas cardíacos, pressão arterial alta grave e parada cardíaca são outras complicações que estão associados a esta doença.

Feocromocitoma Fatores de Risco

Este tumor é mais freqüente em pessoas com idade entre 30 e 50. Cerca de 10% destes tumores são observados em crianças. Muitas vezes, essas neoplasias surgir igualmente em homens e mulheres. Estes são comparativamente menos frequentemente observada em negros do que as pessoas de outras origens raciais. O tumor pode ser relacionada com outras doenças, tais como:

Imagem 2 Feocromocitoma-Imagem
2A neoplasia endócrina múltipla e 2B 
Neurofibromatose 
Carcinoma medular da tiróide 
Doença de von Hippel-Lindau
Se você está enfrentando um aumento súbito da pressão arterial, que se recusa a ser controlada por medicamentos, e tem uma história familiar de MEN II, NF 1, paraganglioma familiar ou doença de Von Hippel-Lindau, entrar em contato com um médico imediatamente. Detecção oportuna e tratamento irá ajudá-lo a recuperar essa condição mais rápido e evitar suas complicações.

FELIZ SÃO JOÃO PARA TODOS.

 Que todos possam aproveitar o máximo possível essa data.